[1]
F. Columbu, “Flexibilidade, trabalho atípico e representação sindical. Uma comparação entre a Itália e o Brasil”, Rev. Fac. Direito Univ. São Paulo, vol. 109, p. 461-482, dez. 2014.