Deodato de Moraes e W. S. Jonas Speyer: duas contribuições para o estudo da "psicanálise e educação" no Brasil

Autores

  • Elisabete Mokrejs

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0102-25551990000100002

Palavras-chave:

Psicanálise, Educação, Recalque, Sublimação, Inconsciente

Resumo

O artigo destaca duas contribuições sobre psicanálise e educação: a primeira publicação brasileira sobre o tema ocorreu em 1927, tendo como autor Deodato de Moraes. A outra obra é de W. S. Jonas Speyer e data de 1963, constituindo-se até o presente momento no mais denso texto brasileiro sobre o assunto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1990-12-01

Edição

Seção

Artigos