Utilização da prostaglandina F2 alfa (PGF2 alfa) na sincronização do ciclo estral em bovinos. II. Inseminações artificiais praticadas em horários pré determinados, com observação de sintomas de cio

Autores

  • Valquíria Hyppollto Barnabe Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Cirurgia e Obstetrícia, São Paulo, SP
  • Raul Gastão Mucciolo Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Cirurgia e Obstetrícia, São Paulo, SP
  • Renato Campanarut Barnabe Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Cirurgia e Obstetrícia, São Paulo, SP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2318-3659.v13i2p367-376

Palavras-chave:

Sincronização, Ciclo estral, PGF2 alfa, Bovinos

Resumo

A possibilidade de inseminações artificiais em horários pré-fixados de 72 e 80 horas após aplicação intrauterina no corno ipsilateral ao corpo lúteo ativo de 4 mg de P G F ,alfa, foi investigada em 20 vacas nulíparas, mestiças de azebuado com Holandês ou Jersey. Outros 20 animais, servindo de testemunhas, foram inseminados artificialmente após a ocorrência normal de cio. O tratamento com PGF2 alfa resultou em 70,0% de sincronização dentro de um período médio de 2,5 ± 0.2 dias. O índice de concepção para os animais tratados que efetivamente entraram cm cio foi de 28,5% e de 25.0% para os testemunhas. As diferenças entre os tratamentos não foram significativas sob o ponto de vista estatístico. A possibilidade de utilização de PGF2 alfa para fins teraputicos é comentada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1976-09-15

Como Citar

Barnabe, V. H., Mucciolo, R. G., & Barnabe, R. C. (1976). Utilização da prostaglandina F2 alfa (PGF2 alfa) na sincronização do ciclo estral em bovinos. II. Inseminações artificiais praticadas em horários pré determinados, com observação de sintomas de cio. Revista Da Faculdade De Medicina Veterinária E Zootecnia Da Universidade De São Paulo, 13(2), 367-376. https://doi.org/10.11606/issn.2318-3659.v13i2p367-376

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS