Digestibilidade (aparente) e produção forrageira de um pasto de capim gordura (Melinis mimtiflora. Pal de Beauvl. Fase 1 - Período de verão

  • Lício Velloso Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Produção Animal, São Paulo, SP
  • Mauro Procknor Instituto de Zootecnia, Nova Odessa, SP
  • Waldemar Strazzcappa Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Produção Animal, São Paulo, SP
  • Kiyomi Seki Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Produção Animal, São Paulo, SP
Palavras-chave: Alimentos (digestibilidade), Capim gordura, Forrageiras (produção)

Resumo

A gramínea utilizada no presente trabalho foi colhida de um pasto com área de 2,0 ha, formado em setembro de 1974, tendo recebido antes da semeadura aplicação de 1.700 kg/há de calcáreo dolomítico e após o plantio, 510 kg/ha de sulfato de amónio. Desde sua formação, foi utilizada eventualmente como piquete para vacas em lactação, até o dia 27 de setembro de 1977, quando foi realizado corte com roçadeira para padronização, visando o aproveitamento da rebrota para os estudos programados. As estimativas de produção forrageira e os ensaios de digestibilidade foram efetuados em média aos 60, 120 e 180 dias após o corte. Os dados de produção de forragem foram obtidos com doze amostras colhidas com o uso de quadrado de ferro medindo 0,25 m2, tendo-se registrado os seguintes resultados: 1) aos 60 dias (27/9/77 a 26/11/77): 4.767 kg/ha de massa verde (MV) e 1.431 kg/ha de matéria seca (MS). 2) aos 120 dias (27/9/77 a 26/01/78): 10.283 kg/ha de MV e 3.625 kg/ha de MS. 3) aos 180 dias (27/9/77 a 26/3/78): 30.733 kg/ha de MV e 11.486 kg/ha de MS. Os ensaios de digestibilidade (aparente) foram realizados com três bovinos em gaiolas e os valores dos nutrientes digestíveis na MS a 100°C foram: 1) aos 60 dias: matéria seca digestível (MSD) = 31,7%; proteína digestível (PD) = 2,0%; extrato etéreo digestível (EED) = 2,2%; fibra digestível (FD) = 15,27%; extrativos não nitrogenados digestíveis (ENND) = 14,7% e nutrientes digestíveis totais (NDT) = 34,1%. 2) aos 120 dias: MSD = 56,5%; PD = 1,0%; EED = 4,2%; FD= 20,1%; ENND = 31,8 e NDT = 57,1%. 3) aos 180 dias: MSD = 41,2%; PD = zero; EED = 3,3%; FD = 19,5%; ENND = 22,4% e NDT = 55,2%.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1978-03-15
Como Citar
Velloso, L., Procknor, M., Strazzcappa, W., & Seki, K. (1978). Digestibilidade (aparente) e produção forrageira de um pasto de capim gordura (Melinis mimtiflora. Pal de Beauvl. Fase 1 - Período de verão. Revista Da Faculdade De Medicina Veterinária E Zootecnia Da Universidade De São Paulo, 15(1), 117-126. https://doi.org/10.11606/issn.2318-3659.v15i1p117-126
Seção
ARTIGOS ORIGINAIS