O sentido moderno da administração colonial: o caso do Regimento das Missões

Autores

  • Pedro Rocha de Oliveira Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i61p203-221

Palavras-chave:

Brasil colônia, Modernidade socioeconômica, Regimentos, Estado moderno, Administração Colonial.

Resumo

Através da análise dos Regimentos de 1548 e 1686, procuramos sublinhar e discutir o conteúdo histórico-social moderno do esforço colonial no Brasil. Identificamos a centralidade da preocupação com a criação de uma população de trabalhadores a partir dos indígenas e examinamos o caráter legal que tal problema assume para a administração metropolitana, mostrando como a especificidade da violência colonial diz respeito à expansão e sofisticação de instituições capitalistas típicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-07-22

Como Citar

Oliveira, P. R. de. (2015). O sentido moderno da administração colonial: o caso do Regimento das Missões. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (61), 203-221. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i61p203-221

Edição

Seção

Artigos