A formação da metrópole paulista: um diálogo entre Richard Morse e Antonio Candido

  • Ana Claudia Veiga de Castro Universidade de São Paulo
Palavras-chave: São Paulo, história da cidade, literatura, Richard Morse, Antonio Candido

Resumo

O livro que Richard Morse publicou em 1954 - De comunidade a metrópole: biografia de São Paulo - pode hoje ser considerado um clássico na história da cidade. Partindo da comunidade fundada em 1554 na América Portuguesa, a obra traça os caminhos que levaram a cidade a se tornar a principal metrópole brasileira. Para tanto, Morse indicava uma relação entre os diversos momentos históricos e o ethos paulista. Isso se evidencia quando se nota que o momento crucial do crescimento urbano paulista - o século XIX - se estrutura entre dois movimentos culturais da história da cidade: o Romantismo e o Modernismo. Tal perspectiva encontra na cidade um interlocutor privilegiado, que ajudaria a dar forma e conteúdo a sua obra. Em uma leitura rente ao livro de Morse, o texto pretende explorar o diálogo entre o historiador e Antonio Candido, buscando, na obra deste último, hipóteses para a compreensão do livro. •

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-04-01
Como Citar
Castro, A. (2017). A formação da metrópole paulista: um diálogo entre Richard Morse e Antonio Candido. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (66), 221-238. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901x.v0i66p221-238
Seção
Artigos