Indigenização de práticas de numeramento no desenvolvimento e na gestão de projetos sociais do povo indígena Xakriabá

Autores

  • Augusta Aparecida Neves de Mendonça Fundação Mineira de Educação e Cultura, Belo Horizonte, MG
  • Maria da Conceição Ferreira Reis Fonseca Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i68p69-83

Palavras-chave:

Povo indígena Xakriabá, projetos sociais, indigenização, práticas de numeramento, apropriação

Resumo

Este artigo analisa processos de apropriação de práticas de numeramento que se configuram no desenvolvimento e na gestão de projetos sociais do povo indígena Xakriabá. A perspectiva etnográfica adotada permite reconhecer tais processos como instâncias de “indigenização dos projetos”, termo tomado dos estudos do antropólogo Marshall Sahlins, que se refere à “indigenização da modernidade” para explicitar a maneira como os povos indígenas “vêm elaborando culturalmente tudo aquilo que lhes foi infligido”. As práticas de numeramento analisadas veiculam diferentes racionalidades que permeiam os projetos, e é no confronto entre racionalidades de matriz cartesiana e racionalidades táticas que aqui se identifica o movimento dos sujeitos para “indigenizá-las”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Augusta Aparecida Neves de Mendonça, Fundação Mineira de Educação e Cultura, Belo Horizonte, MG

Professora do curso de Pedagogia e coordenadora do curso de Pós-Graduação em Psicopedagogia da Fundação Mineira de Educação e Cultura (Fumec) e subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais.

Maria da Conceição Ferreira Reis Fonseca, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG

Professora titular da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e coordenadora do Grupo de Pesquisa (CNPq) Estudos sobre Numeramento e do Programa de Educação Básica de Jovens e Adultos da UFMG.

Downloads

Publicado

2017-12-13

Como Citar

Mendonça, A. A. N. de, & Fonseca, M. da C. F. R. (2017). Indigenização de práticas de numeramento no desenvolvimento e na gestão de projetos sociais do povo indígena Xakriabá. Revista Do Instituto De Estudos Brasileiros, (68), 69-83. https://doi.org/10.11606/issn.2316-901X.v0i68p69-83

Edição

Seção

Artigos