A viagem. Fernando Távora, a nossa escola e o desenho

Autores

  • Alexandre Alves Costa Universidade do Porto. Faculdade de Arquitetura

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-4506.v15i2p27-39

Palavras-chave:

Fernando Távora, Escola do Porto, Desenho.

Resumo

A reflexão sobre a trajetória pessoal, a relação afetiva com o Brasil e a significativa itinerância de influências na arquitetura luso-brasileira circunstanciam o engajamento do autor com o ensino de história da arquitetura portuguesa,
segundo uma concepção que estende a ideia de língua como pátria, devida à Fernando Pessoa, para a arquitetura e cidades de ambos os países. A seguir, retoma uma homenagem ao mestre Fernando Távora, para assinalar a importância
do desenho e das viagens na educação visual, realçar o vínculo estrutural entre desenho e projeto na Escola do Porto e reafirmar o desenho como sinal seguro da presença do homem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre Alves Costa, Universidade do Porto. Faculdade de Arquitetura

Arquiteto, professor catedrático emérito da Faculdade de Arquitectura
da Universidade do Porto.

Referências

.

Downloads

Publicado

2018-07-09

Como Citar

Costa, A. A. (2018). A viagem. Fernando Távora, a nossa escola e o desenho. Risco Revista De Pesquisa Em Arquitetura E Urbanismo (Online), 15(2), 27-39. https://doi.org/10.11606/issn.1984-4506.v15i2p27-39

Edição

Seção

Artigos e Ensaios