Saturnino de Brito e o traçado sanitário da cidade de Santa Maria/RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2021.166049

Palavras-chave:

Traçado sanitário, Forma urbana, Santa Maria/RS

Resumo

O objetivo do presente artigo é discutir sobre o traçado sanitário de Santa Maria, cidade do estado do Rio Grande do Sul, sob a perspectiva da forma urbana sanitarista articulada pelo engenheiro sanitarista Saturnino de Brito em 1918. O processo de urbanização que aconteceu a partir das primeiras décadas do século XX foi determinante para o crescimento das cidades brasileiras em condições socioambientais inadequadas. Com os avanços da microbiologia, surge a figura de um profissional que tinha domínio para atuar frente a essa realidade: o engenheiro sanitarista. A compreensão do urbanismo sanitarista de Brito tinha como desígnio dois temas: os problemas de salubridade na transformação dos espaços urbanos e a construção das cidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dirceu Piccinato Junior, Faculdade Meridional. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo

Dirceu Piccinato Junior é Arquiteto e Urbanista, Professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade Meridional. ORCID <http://orcid.org/0000-0001-5153-0931>.

Referências

ANDRADE, W. T. F. de. O discurso do progresso: a evolução urbana de Santos, 1870 – 1930, FFLCH-USP: São Paulo, 1989.

ANDRADE, C. R. M. de. O plano de Saturnino de Brito para Santos. Espaço e Debates, 34, 55-63, 1991.

ANDRADE, C. R. M. de. A peste e o plano: urbanismo sanitarista do Eng. Saturnino de Brito, FAU-USP: São Paulo, 1992.

BERNARDINI, S. P. A dureza do fazer. A práxis na urbanística de Saturnino de Brito a partir do seu plano de saneamento para a cidade de Santos (1905-1910), Risco Revista, 13, 47-62, 2015.

BERTONI, A. A engenharia sanitária a serviço do urbanismo: a contribuição de Saturnino de Brito e Victor da Silva Freire para a construção dos saberes urbanos. Risco Revista, 13, 74-83, 2015a.

BERTONI, A. No caminho para o urbanismo. Saturnino de Brito e Édouard Imbeaux, trajetórias profissionais entre Brasil e França. Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material, V. 23, n. 1, 111-132, 2015b.

BRASIL. M. da E. e S. Urbanismo. Traçado Sanitário das Cidades. Estudos Diversos, v. XX, Imprensa Nacional: Rio de Janeiro, 1943a.

BRASIL. M. da E. e S. Projetos e Relatórios. Saneamento de Santa Maria, Cachoeira, Passo Fundo, Rosário e Cruz Alta, v. XI, Imprensa Nacional: Rio de Janeiro, 1943b.

BRESCIANI, M. S. Melhoramentos entre intervenções e projetos estéticos: São Paulo (1850-1950). In M. S. Bresciani (org.) Palavras da Cidade. Ed. Universidade/UFRGS: Porto Alegre, 343-366, 2001.

CARRIÇO, J. M. O plano de Saturnino de Brito para Santos: urbanismo e planejamento urbano entre o discurso e a prática. In C. de CAMPOS; F. ATIQUE; G. A. F. DANTAS (orgs.) Profissionais, práticas e representações da construção da cidade e do território. Alameda: São Paulo, 2013.

DANTAS, A. C. de C. L. Sanitarismo e planejamento urbano: a trajetória das propostas urbanísticas para Natal entre 1935 e 1969. UFRN: Natal, 2003.

GITAHY, M. L. C. (org.). Desenhando a cidade do século XX. RiMA/Fapesp: São Carlos, 2005.

LEME, M. C. Da S. (org.). Urbanismo no Brasil: 1895 – 1965. Studio Nobel; FAU-USP; Fupam: São Paulo, 1999.

LOPES, A. L. B. “Sanear, Prever e Embelezar”: o engenheiro Saturnino de Brito, o urbanismo sanitarista e o novo projeto urbano do PRR para o Rio Grande do Sul (1908 – 1929). PUCRS: Porto Alegre, 2013.

OLIVEIRA, D. T. de. A cidade de Santa Maria e o saneamento de Saturnino de Brito. UFRGS: Porto Alegre, 2013.

PANERAI, P.; CASTEX, J.; DEPAULE, J. Formas urbanas: a dissolução da quadra. Bookman: Porto Alegre, 2013.

PEREIRA, P. C. X. Cidade: sobre a importância de novos meios de falar e de pensar as cidades. In M. S. Bresciani (org.) Palavras da Cidade. Ed. Universidade/UFRGS: Porto Alegre, 261-284, 2001.

PICCINATO JUNIOR, D. Saturnino de Brito e o projeto de abastecimento de água para a cidade de Passo Fundo-RS. Cadernos de Arquitetura e Urbanismo (PUCMinas), 36, 16-56, 2018.

PUPPI, I. C. Estruturação sanitária das cidades. UFPR/CETESB: Curitiba/São Paulo, 1981.

SIMÕES JUNIOR, J. G. O ideário dos engenheiros e os planos realizados para as capitais brasileiras ao longo da Primeira República. In C. de CAMPOS; F. ATIQUE; G. A. F. DANTAS (orgs.) Profissionais, práticas e representações da construção da cidade e do território. Alameda: São Paulo, 2013.

Downloads

Publicado

2021-06-12

Como Citar

Piccinato Junior, D. (2021). Saturnino de Brito e o traçado sanitário da cidade de Santa Maria/RS. Risco Revista De Pesquisa Em Arquitetura E Urbanismo (Online), 19, 1-16. https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2021.166049

Edição

Seção

Artigos e Ensaios