Algumas reflexões sobre a preservação do patrimônio natural e cultural em áreas propensas às atividades minerárias

Autores

  • Jeanne Crespo Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Patrícia Urias Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-4506.v0i14p51-62

Palavras-chave:

meio ambiente, patrimônio cultural, mineração.

Resumo

O presente artigo procura discutir questões como a preservação dos Patrimônios Natural e Cultural em áreas de interesse para a exploração de mineradoras, utilizando-nos de estudos sobre os casos ocorridos no Estado de Minas Gerais, como a Serra da Piedade e a Serra do Gandarela, com base na leitura interpretativa crítica de normativas brasileiras e internacionais e de produção acadêmica sobre o tema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jeanne Crespo, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Historiadora, doutoranda no Programa de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e técnica do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional IPHAN/MG

Patrícia Urias, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Historiadora, mestranda no Programa de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Downloads

Publicado

2011-07-01

Como Citar

Crespo, J., & Urias, P. (2011). Algumas reflexões sobre a preservação do patrimônio natural e cultural em áreas propensas às atividades minerárias. Risco Revista De Pesquisa Em Arquitetura E Urbanismo (Online), (14), 51-62. https://doi.org/10.11606/issn.1984-4506.v0i14p51-62

Edição

Seção

Artigos e Ensaios