[1]
H. E. Wehmann, “A pesquisa qualitativa fenomenológica: olhos para ver a criatividade cotidiana”, Risco, Rev. Pesqui. Arquit. Urban., vol. 14, nº 2, p. 56-66, dez. 2016.