[1]
L. Morère, D. Campos, e D. Pereira, “Cena de conflitos entre exploração, preservação e patrimonialização da natureza: o caso de Chapada Gaúcha”, Risco, Rev. Pesqui. Arquit. Urban., vol. 18, p. 50-64, set. 2020.