Sistematização da Assistência de Enfermagem na graduação: um olhar sob o Pensamento Complexo

Autores

  • Josilaine Porfírio da Silva Hospital Zona Sul de Londrina
  • Mara Lucia Garanhani Universidade Estadual de Londrina; Departamento de Enfermagem; Universidade Estadual de Londrina
  • Aida Maris Peres Universidade Federal do Paraná; Departamento de Enfermagem; Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.1590/0104-1169.0096.2525

Resumo

OBJETIVO: analisar as percepções dos acadêmicos de um curso de graduação em enfermagem sobre sua formação em Sistematização da Assistência de Enfermagem. MÉTODO: estudo qualitativo compreensivo, realizado com 32 acadêmicos das quatro séries do curso de enfermagem de uma universidade pública brasileira estadual, que tem a Sistematização da Assistência de Enfermagem como tema transversal. A coleta de dados foi realizada por meio de grupo focal, com questões orientadoras que abordaram a aprendizagem do tema. Os grupos focais foram gravados, filmados, transcritos na íntegra e submetidos a um processo de análise de conteúdo, segundo Bardin. O referencial teórico empregado foi o Pensamento Complexo, proposto por Edgar Morin. RESULTADOS: foram elaboradas três categorias que agruparam as atividades de ensino e aprendizagem, os sentimentos vivenciados e a visão do estudante sobre sua formação em Sistematização da Assistência de Enfermagem. CONCLUSÃO: constatou-se que a temática está presente em todas as séries, porém, de maneira fragmentada e que, o desenvolvimento do processo e da consulta de enfermagem na prática foram as atividades que marcaram o aprendizado da Sistematização da Assistência de Enfermagem dos acadêmicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-02-01

Como Citar

Silva, J. P. da, Garanhani, M. L., & Peres, A. M. (2015). Sistematização da Assistência de Enfermagem na graduação: um olhar sob o Pensamento Complexo . Revista Latino-Americana De Enfermagem, 23(1), 59-66. https://doi.org/10.1590/0104-1169.0096.2525

Edição

Seção

Artigos Originais