Efetividade do gel de papaína no tratamento de úlceras venosas: ensaio clínico randomizado

Autores

  • Ana Luiza Soares Rodrigues Hospital Federal da Lagoa
  • Beatriz Guitton Renaud Baptista de Oliveira Universidade Federal Fluminense; Escola de Enfermagem
  • Débora Omena Futuro Universidade Federal Fluminense; Faculdade de Farmácia
  • Silvia Regina Secoli Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.1590/0104-1169.0381.2576

Resumo

;;OBJETIVO:;

; avaliar a efetividade do gel de papaína a 2% comparado ao gel de carboximetilcelulose a 2% no tratamento de pacientes com úlceras venosas crônicas.

;;;;MÉTODO:;

; ensaio clínico controlado randomizado, com tempo de seguimento de 12 semanas. A amostra foi composta por 18 voluntários e o total de 28 úlceras venosas. No grupo experimento foi utilizado o gel de papaína a 2% e no grupo controle o gel de carboximetilcelulose a 2%.

;;;;RESULTADOS:;

; o grupo experimento apresentou redução significativa da área das lesões, especialmente no período entre a 5ª e a 12ª semana de tratamento, com duas úlceras cicatrizadas e aumento expressivo da quantidade de tecido de epitelização no leito das lesões.

;;;;CONCLUSÃO:;

; o gel de papaína a 2% apresentou maior efetividade quanto à redução da área das lesões, entretanto, se mostrou similar ao gel de carboximetilcelulose a 2%, quanto à redução da quantidade de exsudato e de tecido desvitalizado. Sugere-se a realização de estudos multicêntricos para evidenciar a efetividade do gel de papaína a 2% na cicatrização de úlceras venosas. Número do UTN: U1111-1157-2998

;;

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-06-01

Como Citar

Rodrigues, A. L. S., Oliveira, B. G. R. B. de, Futuro, D. O., & Secoli, S. R. (2015). Efetividade do gel de papaína no tratamento de úlceras venosas: ensaio clínico randomizado. Revista Latino-Americana De Enfermagem, 23(3), 458-465. https://doi.org/10.1590/0104-1169.0381.2576

Edição

Seção

Artigos Originais