Competências para enfermeiros generalistas e especialistas atuarem na prevenção e controle de infecções no Brasil

Palavras-chave: Enfermagem, Controle de Infecções, Competência Profissional, Educação Superior, Educação em Enfermagem, Controle e Prevenção

Resumo

Objetivo: definir as competências para a prevenção e o controle de infecções relacionadas à assistência à saúde que devem ser desenvolvidas pelo enfermeiro generalista e pelo enfermeiro especialista em controle de infecções no Brasil. Método: empregou-se a técnica Delphi, desenvolvida em quatro rodadas. Participaram do estudo 31 enfermeiros e oito médicos com expertise em prevenção e controle de infecções. Para a coleta de dados, utilizaram-se instrumentos com perguntas abertas cujas respostas foram tratadas por meio da técnica de análise de conteúdo e instrumentos estruturados para avaliar a importância de cada competência por meio de escala Likert, sendo os dados analisados e apresentados de forma descritiva, uso de mediana e de coeficiente de variação. Resultados: as competências foram organizadas em 04 centrais, 14 genéricas e 17 específicas, com nome e a descrição de cada competência. Conclusão: a definição das competências para a prevenção e o controle de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde é o primeiro passo para se iniciar o repensar acerca do processo de ensino e aprendizagem na formação inicial dos enfermeiros. Os dados encontrados auxiliam na reestruturação do ensino, além de fundamentar programas de educação permanente em saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-03-19
Como Citar
Massaroli, A., Martini, J., Moya, J. L., Pereira, M., Tipple, A., & Maestri, E. (2019). Competências para enfermeiros generalistas e especialistas atuarem na prevenção e controle de infecções no Brasil. Revista Latino-Americana De Enfermagem, 27, e3134. https://doi.org/10.1590/1518-8345.2620.3134
Seção
Artigos Originais