Perdas fetais e natimortalidade no município de Ribeirão Preto-sp, Brasil, 1991 e 1992

Autores

  • Renato Sardas Científica do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq
  • Amábile Rodrigues Xavier Manço Departamento de Medicina Social da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. - FMRP/USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v30i4p508-513

Palavras-chave:

Morte Fetal. Mortalidade Fetal.

Resumo

No Município de Ribeirão Preto ocorreram 299 perdas fetais nos anos de 1991/92, sendo 165, em 1991, e 134, em 92, dos quais 148 eram masculinos, 134 femininos, 21 de sexo ignorado e 15 não declarados. Os óbitos fetais provenientes de outros municípios perfizeram 39,8% deste total. Em 103 Declarações de Óbito, o peso ao nascer não foi declarado. Com relação à duração de gestação, 142 casos (47,5%) tinham 28 ou + semanas, 52 (17,4%) situavam-se entre 20 e 27 semanas, em 105 casos (35,3%) a informação estava em branco ou assinalada como ignorada. A gestação única foi apontada em 46,8% dos casos e não declarada em 46,5%. A hipoxia intra-uterina foi apontada como causa básica de morte, em 41,8% dos casos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Sardas, Científica do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq

 

Bolsista de Iniciação Científica do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq; 

 

Amábile Rodrigues Xavier Manço, Departamento de Medicina Social da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. - FMRP/USP

Docente do Departamento de Medicina Social da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. - FMRP/USP

 

Downloads

Publicado

1997-12-30

Como Citar

1.
Sardas R, Manço ARX. Perdas fetais e natimortalidade no município de Ribeirão Preto-sp, Brasil, 1991 e 1992. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de dezembro de 1997 [citado 2 de agosto de 2021];30(4):508-13. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/16170

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share