RACIOCÍNIO CLÍNICO NA SALA DE URGÊNCIA

Autores

  • Fábio F. Neves Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo
  • Antônio Pazin-Filho Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v41i3p339-346

Palavras-chave:

Raciocínio Clínico. Resolução de Problemas. Tomada de Decisões. Competência Clínica. Medicina de Emergência. Diagnóstico Clínico.

Resumo

O raciocínio clínico é o exercício de julgar sobre incerteza durante o cuidado do paciente. Nenhum ambiente médico é tão rico em incertezas quanto à sala de urgência, sendo o raciocínio clínico muitas vezes dificultado por diversos fatores, como a necessidade de tomada de decisões rápidas, sobrecarga de trabalho do médico, equipe mal treinada, dados clínicos incompletos, interrupções freqüentes e pacientes pouco colaborativos. Entretanto, neste ambiente muitas vezes caótico se concentram a maior densidade de decisões na prática médica, muitas delas vitais. Este artigo irá utilizar-se de casos clínicos ilustrativos para descrever primeiramente o modelo clássico de raciocínio clínico, bem como salientar outros modelos que surgem em função das peculiaridades da atuação em emergência, com o objetivo de auxiliar no desenvolvimento de autocrítica para o processo diagnóstico, buscando a redução de erros evitáveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio F. Neves, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Médico assistente do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Antônio Pazin-Filho, Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Docente do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Downloads

Publicado

2008-09-30

Como Citar

1.
Neves FF, Pazin-Filho A. RACIOCÍNIO CLÍNICO NA SALA DE URGÊNCIA. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de setembro de 2008 [citado 27 de novembro de 2021];41(3):339-46. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/279

Edição

Seção

Temas de Ensino Médico
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)