TRANSTORNOS ALIMENTARES - QUADRO CLÍNICO

Autores

  • Nádia Juliana Beraldo Goulart Borges Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo
  • Juliana Maria Faccioli Sicchieri Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo - EERP/USP
  • Rosane Pilot Pilot Pessa Ribeiro Departamento de Enfermagem Materno Infantil e Saúde Pública. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo
  • Júlio Sérgio Marchini Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP
  • José Ernesto Santos Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v39i3p340-348

Palavras-chave:

Transtornos da Alimentação. Anorexia Nervosa. Bulimia Nervosa.

Resumo

A anorexia e bulimia nervosas são distúrbios da conduta alimentar caracterizados por abstenção voluntária de alimentos e pela ingestão compulsiva, seguida de métodos purgativos, respectivamente. Essas duas patologias estão intimamente relacionadas por apresentarem sintomas em comum: uma idéia prevalente envolvendo a preocupação excessiva com o peso, distorção da imagem corporal e um medo patológico de engordar. Geralmente, o perfil dos pacientes portadores de transtornos alimentares é: adolescentes do sexo feminino, raça branca, e alto nível sócio econômico cultural. Porém, o que se tem observado, é que esse grupo é cada vez mais heterogêneo, sendo realizado diagnóstico em adolescentes do sexo masculino, raça negra, pré adolescentes e pacientes com nível sócio econômico cultural baixo. Quanto à etiopatogenia, não há uma única etiologia responsável pela anorexia nervosa. Acredita-se no modelo multifatorial, com contribuição de fatores biológicos, genéticos, psicológicos, socioculturais e familiares. Neste trabalho apresentamos como se inicia o quadro de transtorno alimentar, critérios diagnósticos, diferenças clínicas entre anorexia e bulimia, complicações clínicas inerentes, diagnóstico diferencial, comorbidades psiquiátricas associadas e acompanhamento e evolução desses transtornos. Considerando a elevada prevalência dessas síndromes associada à alta morbidade, preconiza-se o melhor conhecimento de suas manifestações clínicas, bem como complicações associadas para que o diagnóstico possa ser realizado mais precocemente evitando assim que essas pacientes cheguem para o tratamento apenas quando seu estado já esteja grave.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Nádia Juliana Beraldo Goulart Borges, Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

    Médica. Pós-Graduanda. Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

  • Juliana Maria Faccioli Sicchieri, Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo - EERP/USP

    Nutricionista. Mestre.Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo - EERP/USP

  • Rosane Pilot Pilot Pessa Ribeiro, Departamento de Enfermagem Materno Infantil e Saúde Pública. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

    Docente. Departamento de Enfermagem Materno Infantil e Saúde Pública. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

  • Júlio Sérgio Marchini, Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP

     

    Docente. Divisão de Nutrologia. Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP

     

  • José Ernesto Santos, Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP

    Docente. Divisão de Nutrologia. Departamento de Clínica Médica. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo – FMRP/USP

Downloads

Publicado

2006-09-30

Edição

Seção

Capítulos

Como Citar

1.
Borges NJBG, Sicchieri JMF, Ribeiro RPPP, Marchini JS, Santos JE. TRANSTORNOS ALIMENTARES - QUADRO CLÍNICO. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30º de setembro de 2006 [citado 16º de julho de 2024];39(3):340-8. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/389