DIAGNÓSTICO PRECOCE DA SURDEZ NA INFÂNCIA

  • Myriam L. Isaac Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Faculdade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo
  • Alessandra K. S. Manfredi Setor de Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – FMRP/USP
Palavras-chave: Crianças. Audição. Deficiência Auditiva. Triagem Auditiva.

Resumo

A audição é importante na comunicação humana. Perda auditiva na criança pode acarretar distúrbios na aquisição da fala, linguagem e no desenvolvimento emocional, educacional e social. O diagnóstico precoce de deficiência auditiva permite a intervenção e o ideal é que ambos ocorram nos primeiros 6 meses de vida. A triagem auditiva neonatal universal é recomendada pois avalia todos os recém-nascidos e não apenas aqueles com indicadores de risco para perda auditiva. Embora existam testes comportamentais para a avaliação auditiva, os exames ideais são os objetivos, tais como as emissões otoacústicas e os (EOA) potenciais evocados auditivos de tronco cerebral, pois são exames eletrofisiológicos que não dependem da participação da criança, sendo úteis em recém-nascidos e crianças pequenas. As emissões otoacústicas avaliam a função coclear e o potencial auditivo evocado avalia a função auditiva até o tronco cerebral. Ambos são usados na triagem auditiva neonatal embora o registro das EOA seja o mais comum por ser de aplicação mais fácil e rápida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Myriam L. Isaac, Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Faculdade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Docente. Divisão de Otorrinolaringologia. Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Faculdade de Medicina de  Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo - FMRP/USP

Alessandra K. S. Manfredi, Setor de Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – FMRP/USP

Fonoaudióloga. Setor de Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – FMRP/USP

Publicado
2005-12-30
Como Citar
1.
Isaac M, Manfredi A. DIAGNÓSTICO PRECOCE DA SURDEZ NA INFÂNCIA. Medicina (Ribeirao Preto Online) [Internet]. 30dez.2005 [citado 28jan.2020];38(3/4):235-44. Available from: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/449
Seção
Capítulos
Bookmark and Share