Perfil clínico e metabólico de pacientes soropositivos para HIV portadores de lipodistrofia

Autores

  • Renata G. Falcato Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP)
  • Jacqueline P. Monteiro Departamento de Puericultura e Pediatria, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP)
  • Alcyone A. Machado Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP).
  • Anderson M. Navarro Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v44i1p87-93

Palavras-chave:

Pacientes/metabolismo. Lipodistrofia. Terapia Anti-Retroviral de Alta Atividade. HIV. Síndrome de Lipodistrofia Associada ao HIV. Doenças Cardiovasculares.

Resumo

Modelo do Estudo: Estudo descritivo. Objetivo: Avaliar o perfil clínico e metabólico dos pacientes soropositivo para HIV, em uso de terapia antiretroviral fortemente ativa (Highly Active Antiretroviral Therapy - HAART) e com diagnóstico de lipodistrofiaassociada. Métodos: A pesquisa foi realizada a partir da análise de dados computados em um protocolo anexado ao prontuário de pacientes atendidos na Unidade Especial de Tratamento para DoençasInfecciosas (UETDI), no Ambulatório de Dislipidemia (ADIS) do Hospital das Clínicas da Faculdade deMedicina de Ribeirão Preto (HC-FMRP). Resultados: 69,7% dos participantes eram do sexo masculino.As médias (DP) de IMC foram 24,7±3.6 Kg/m2 e 26,7 ±5.98 Kg/m2 e média de peso 72,78±12.7 Kg e65,94±15.4 Kg para o sexo masculino e feminino, respectivamente. A porcentagem de massa magra foimaior nos homens (p=0,0008) e de gordura corporal, maior no sexo oposto (p=0,0006). A variação docolesterol total teve mediana igual a 235mg/dl e os triglicérides, mediana de 387mg/dl. A ocorrência delipodistrofia demonstrou que 50% dos pacientes apresentaram lipohipertrofia abdominal, 27,9%lipoatrofia facial e 12,5% lipohipertrofia cervical. Conclusão: Alterações clínicas e metabólicas foramencontradas, o que representa fatores de risco adicionais para a ocorrência de doenças coronarianasnestes pacientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata G. Falcato, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP)

Nutricionista formada pelo Curso de Nutrição e Metabolismo da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade deSão Paulo (FMRP-USP)

Jacqueline P. Monteiro, Departamento de Puericultura e Pediatria, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP)

Docente, Curso de Nutrição e Metabolismo. Departamento de Puericultura e Pediatria, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo  (FMRP-USP)

Alcyone A. Machado, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP).

Docente, Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo  (FMRP-USP).

Anderson M. Navarro, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP)

Docente, Curso Nutrição e Metabolismo. Departamento de Clínica Médica, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (FMRP-USP)

Downloads

Publicado

2011-03-30

Como Citar

1.
Falcato RG, Monteiro JP, Machado AA, Navarro AM. Perfil clínico e metabólico de pacientes soropositivos para HIV portadores de lipodistrofia. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de março de 2011 [citado 30 de novembro de 2021];44(1):87-93. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/47340

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)