Monitorização das ações antituberculose

cartas gráficas baseadas em unidades desvio padrão e tabela de classificação baseada em medida-síntese

Autores

  • Gilberto Ribeiro Arantes Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia. Núcleo de Investigação e Vigilância da Tuberculose
  • Marília Belluomini Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia
  • Margarida Maria Mattos Brito de Almeida Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia
  • Mônica M. Lima Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v30i2p243-258

Palavras-chave:

Avaliação de Processo (Cuidados de Saúde), Tuberculose, Epidemiologia, Distribuição Normal, Vigilância Epidemiológica

Resumo

A monitorização de 30 indicadores epidemiológico-operacionais do programa antituberculose, executado por Unidades de Saúde, é uma tarefa complexa, quando realizada em função de normas técnicas. Os AA apresentam metodologia em uso no Japão, modificada e adaptada à realidade de São Paulo, onde foi testada em 62 unidades de Saúde que, em 1993, atenderam e notificaram 5.622 doentes acompanhados durante 14 meses. O método pressupõe, para cada indicador, distribuição gaussiana dos valores originais ou transformados matematicamente. O desempenho das Unidades em cada indicador foi comparado com a Média do conjunto, usando-se como medida a Unidade Desvio Padrão. Em 65% dos indicadores, não houve necessidade de reexpressão dos resultados e só um deles resistiu a todas as transformações tentadas. Definiu-se medida-síntese para a elaboração de Tabela de Classificação dividida em quatro setores pelos três quartis da distribuição. O desempenho do conjunto ficou aquém do esperado (a mediana foi negativa). Analisadas algumas Cartas Gráficas, a título de demonstração, foram identificadas atividades prioritárias para supervisão. A metodologia e suas modificações, bem como os resultados, foram discutidos, concluindo-se pela sua aplicabilidade. Conjugada à avaliação tradicional poderá ser de grande valia, inclusive para acompanhar a evolução do conjunto.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

1997-06-30

Edição

Seção

Artigo Original

Como Citar

1.
Arantes GR, Belluomini M, Almeida MMMB de, Lima MM. Monitorização das ações antituberculose: cartas gráficas baseadas em unidades desvio padrão e tabela de classificação baseada em medida-síntese. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30º de junho de 1997 [citado 18º de julho de 2024];30(2):243-58. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/881