Análise das Visões de Turismo no México

Autores

  • Alexandre Panosso Netto Universidade de São Paulo
  • Esteban Arias Castañeda UAEMex
  • Marcelino Castillo Nechar UAMex

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-4867.v23i2p286-307

Palavras-chave:

turismo, antipositivista, ciência, crítica, epistemologia do turismo.

Resumo

O artigo tem por objetivo o exercício crítico reflexivo da importância da construção doconhecimento em turismo a partir da perspectiva científica. São revisadas algumas polêmicase propostas de autores que abordam o turismo do ponto de vista positivista mais convencional,que descartam sua possibilidade como disciplina ou ciência, e aqueles que o abordam a partirde uma postura antipositivista, na qual revalorizam a noção de disciplina e ciência. A visãoantipositivista ultrapassa a parte formal positivista, a qual oferece a possibilidade de qualificaro turismo como ciência, que sob as dimensões hermenêutica, fenomenológica, dialética oucrítica, a revalorização do conhecimento científico do turismo permite reconhecer que existem comunidades, temas e procedimentos de como investigar, que também permitem observar asintervenções na realidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Esteban Arias Castañeda, UAEMex

Doutorando em Turismo na UAEMex.

Marcelino Castillo Nechar, UAMex

Professor do curso de turismo. Coordenado do mestrado e do doutorado de turismo da UAEMex.

Publicado

2012-08-31

Como Citar

Panosso Netto, A., Arias Castañeda, E., & Castillo Nechar, M. (2012). Análise das Visões de Turismo no México. Revista Turismo Em Análise, 23(2), 286-307. https://doi.org/10.11606/issn.1984-4867.v23i2p286-307

Edição

Seção

Artigos e Ensaios