Fluxos Turísticos Internacionais: uma proposta metodológica de análise sobre os (novos) destinos

  • Vitor Stuart Gabriel de Pieri Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Turismo Internacional, Fluxos, Destinos

Resumo

Esse artigo pretende, através da criação de categorias quantitativas, baseadas nos dados oficiais da Organização Mundial de Turismo de chegadas de turistas por país de 2009 a 2011, analisar os fluxos do turismo internacional, identificando os polos de turismo consolidados e apontando os destinos mais emergentes. Nesse sentido, o trabalho divide-se em quatro partes, a partir de diferentes recortes espaciais. A primeira delas busca-se, por meio das macro-divisões subcontinentais da OMT, apontar e entender as regiões mais dinâmicas do turismo internacional. Posteriormente, como segundo recorte, é feita uma análise por subcontinente, onde os principais destinos nessa escala são analisados, revelando-se assim, diversas questões regionais não apontadas numa perspectiva global. Como terceira etapa, são levantados os principais destinos turísticos internacionais, classificando-os progressivamente em: Importantes Destinos Regionais; Pequenos Destinos; Médios Destinos; Grandes Destinos; Super-destinos; e Hiper-destinos. Finalmente, na última etapa do trabalho são analisados os destinos e novos destinos internacionais, classificados em estáveis e instáveis segundo a proposta de Amplitude Turística, que leva em consideração aspectos políticos, econômicos, sociais, culturais e físico-ambientais de cada país.    

Palavras-chave: Turismo Internacional, Fluxos Turísticos, (Novos) Destinos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vitor Stuart Gabriel de Pieri, Universidade Estadual de Campinas
Pós-Doutorando em Turismo pela Universidade de São Paulo (ECA/USP). Doutor em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).
Publicado
2014-12-10
Como Citar
de Pieri, V. (2014). Fluxos Turísticos Internacionais: uma proposta metodológica de análise sobre os (novos) destinos. Revista Turismo Em Análise, 25(3), 503-526. https://doi.org/10.11606/issn.1984-4867.v25i3p503-526
Seção
Artigos e Ensaios