Relação entre sobrecarga de cuidadores informais e nível de independência de idosos hospitalizados

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v29i2p129-134

Palavras-chave:

Cuidadores, Idoso fragilizado, Hospitalização, Efeitos psicossociais da doença

Resumo

O objetivo do presente estudo foi avaliar a sobrecarga do cuidador informal, o nível de independência de idosos hospitalizados e verificar a relação entre eles. Trata-se de um estudo quantitativo, transversal e descritivo, realizado por meio de entrevistas individuais junto a 40 cuidadores de idosos internados no setor de Clínica Médica de um hospital público em Uberaba-MG. Dos cuidadores foram coletados dados sociodemográficos, referentes ao cuidado e nível de sobrecarga (Zarit Burden Interview) e dos idosos, sexo, idade, diagnóstico e nível de independência (Índice de Barthel). Foram utilizadas estatísticas descritivas e o Coeficiente de Correlação de Pearson para verificar a correlação entre sobrecarga do cuidador e nível de independência do idoso (p<0,05). Predominaram cuidadores do sexo feminino, com 1-4 anos de estudo, com companheiro, filhos dos idosos, que recebiam ajuda de outras pessoas para cuidar e despendiam mais de 15 horas diárias ao cuidado. Foi identificada sobrecarga dos cuidadores de moderada a leve (62,5%), idosos com dependência total (47,5%) e relação moderada negativa entre a sobrecarga do cuidador e nível de independência do idoso (r= -0,423; p=0,007). Espera-se que a investigação contribua para o desenvolvimento de ações para o cuidador nos hospitais, visando a prevenção da sobrecarga e suas repercussões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Érica Midori Ikegami, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Fisioterapeuta, mestre em Atenção à Saúde da Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Jéssica Rodrigues de Almeida, Universidade Federal de Minas Gerais

Fisioterapeuta, mestranda em Ciências de Reabilitação da Universidade Federal de Minas Gerais

Lara Andrade Souza, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Fisioterapeuta, doutoranda em Atenção à Saúde da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Isabel Aparecida Porcatti de Walsh, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Fisioterapeuta, doutora em Fisioterapia pela Universidade Federal de São Carlos, professora adjunta do Departamento de Fisioterapia Aplicada da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Suraya Gomes Novais Shimano, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Fisioterapeuta, doutora em Ciências da Reabilitação pela Universidade de São Paulo, professora adjunta do Departamento de Fisioterapia Aplicada da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Lislei Jorge Patrizzi, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Fisioterapeuta, doutora em Ciências Médicas pela Universidade de São Paulo, professora associada do Departamento de Fisioterapia Aplicada da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Publicado

2018-12-31

Como Citar

Ikegami, Érica M., Almeida, J. R. de, Souza, L. A., Walsh, I. A. P. de, Shimano, S. G. N., & Patrizzi, L. J. (2018). Relação entre sobrecarga de cuidadores informais e nível de independência de idosos hospitalizados. Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 29(2), 129-134. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v29i2p129-134

Edição

Seção

Artigo Original