Aspectos da organização do trabalho e os distúrbios osteomusculares: um estudo com trabalhadores em instituições de longa permanência de idosos

Autores

  • Maria do Carmo Baracho de Alencar Universidade Federal de São Paulo; Departamento de Ciências da Saúde
  • Janaína Bússola Montrezor Universidade Federal de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v21i1p15-22

Palavras-chave:

Distúrbios osteomusculares, Organização do trabalho, Condições do trabalho, Assistência^i1^scuidado ao id, Terapia ocupacional

Resumo

Este estudo exploratório teve o objetivo de investigar com base nas percepções dos trabalhadores e nas análises das atividades de trabalho, as relações existentes entre os distúrbios osteomusculares dos trabalhadores que cuidam/assistem os idosos e aspectos da organização do trabalho, em duas Instituições de Longa Permanência de Idosos, na cidade de Santos-SP. Os materiais e métodos consistiram de seleção de trabalhadores que assistiam/cuidavam diretamente de idosos; elaboração de questionário contendo dados demográficos e perguntas relacionadas ao trabalho, entre outras; o instrumento Questionário de Sintomas Osteomusculares- QNSO, levantamentos de tarefas e observações sistemáticas das atividades de trabalho com base na Ergonomia; sendo selecionadas para as observações: o banho, a troca de fraldas, transferências e deslocamentos dos idosos; e como complementos entrevistas semi-abertas gravadas junto aos trabalhadores com dores osteomusculares nos últimos 30 dias. Participaram do estudo 50 trabalhadores, com idade entre 21 e 66 anos; e destes 76,0% relataram dores osteomusculares nos últimos 30 dias, sendo a região lombar a mais acometida. Em ambas as instituições foram identificadas sobrecargas físicas e desgaste mental; e relacionadas a alguns aspectos da organização do trabalho, conforme a percepção de alguns trabalhadores. Este estudo ressalta a importância dos aspectos organizacionais e psicossociais nos sintomas osteomusculares dos trabalhadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-04-01

Como Citar

Alencar, M. do C. B. de, & Montrezor, J. B. (2010). Aspectos da organização do trabalho e os distúrbios osteomusculares: um estudo com trabalhadores em instituições de longa permanência de idosos . Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 21(1), 15-22. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v21i1p15-22

Edição

Seção

Artigo Original