As Atividades avançadas de vida diária como componente da avaliação funcional do idoso

Autores

  • Eliane Golfieri Dias Universidade de São Paulo
  • Yeda Aparecida de Oliveira Duarte
  • Maria Helena Morgani
  • Maria Lúcia Lebrão

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v25i3p225-232

Palavras-chave:

Atividades cotidianas. Idoso. Saúde do Idoso. Terapia Ocupacional.

Resumo

Este trabalho é decorrenteda dissertação de Mestrado intitulada "Atividades Avançadas de Vida Diária e envelhecimento: um estudo de revisão".O desempenho das atividades cotidianas, também conhecidas como atividades de vida diária, é utilizado como um parâmetro para determinar o estado funcional do indivíduo. As atividades avançadas incluem-se nas atividades diárias e são consideradas mais complexas que as básicas e as instrumentais por envolverem, em distintos graus, fatores pessoais e ambientais de forma integrada. Propõe-se a discussão sobre as principais características das atividades avançadas de vida diária, de sua classifi cação em domínios de atividades: social, físico, produtivo e de lazer. Ressalta-se a importância da inclusão das atividades avançadas de vida diária na avaliação funcional dos idosos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eliane Golfieri Dias, Universidade de São Paulo

Terapeuta Ocupacional. Especialização/Aprimoramento em Gerontologia UNIFESP e Terapia de Mão USP.  Mestrado em Ciências/Epidemiologia Faculdade de Saúde Pública-USP. Doutoranda em Ciências/Epidemiologia Faculdade de Saúde Pública-USP

Downloads

Publicado

2014-12-19

Como Citar

Dias, E. G., Duarte, Y. A. de O., Morgani, M. H., & Lebrão, M. L. (2014). As Atividades avançadas de vida diária como componente da avaliação funcional do idoso. Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 25(3), 225-232. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v25i3p225-232

Edição

Seção

Artigo Original