[1]
D. Schenker, Teatro que interroga o tempo: Christiane Jatahy se distancia do lugar-comum na conjugação entre passado e presente, Sala Preta, vol. 15, nº 2, p. 288-301, dez. 2015.