Autolesão não suicida na adolescência como fator de predisposição ao suicídio

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v25i1p3-9

Palavras-chave:

Comportamento Autodestrutivo, Comportamento do Adolescente, Tentativa de Suicídio, Ideação Suicida, Suicídio

Resumo

A autolesão não suicida na adolescência é um evento frequente e está associada a tentativas subsequentes de suicídio ou ao suicídio completo, sugerindo que esse comportamento e aspectos psicológicos relacionados a ele possam estar na mesma trajetória de risco. As regras legais determinam a obrigação do médico notificar casos suspeitos ou confirmados de automutilação às autoridades de saúde. No entanto, não se trata apenas de cumprir com os requisitos legais; o médico deve estar ciente dessa possibilidade, conhecendo os mecanismos aplicados pelos adolescentes, sabendo os motivos que possam desencadear esse comportamento prejudicial e, consequentemente, adotar medidas preventivas eficazes. De maneira geral, os adolescentes relatam que a autolesão alivia o sentimento de angústia, culpa ou vergonha, sendo uma maneira de autopunição. Embora a autolesão não-suicida geralmente resulte em alívio momentâneo da angústia, frequentemente leva a consequências negativas a longo prazo. Este estudo narrativo teve como objetivo mostrar os principais tópicos relacionados a este grave e prevalente problema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Julia de Souza Carmo, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Estudante de Medicina

Pedro Henrique Feldman Sznajderman Silveira, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Estudante de Medicina

Renan Gianecchini Vignardi, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Estudante de Medicina

Gabriel Stecca Canicoba, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Estudante de Medicina

Anna Carolina Macieira Feitosa Mota, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Estudante de Medicina

Carmen Silvia Molleis Galego Miziara, Universidade Nove de Julho. Faculdade de Medicina

Professora Doutora

Ivan Dieb Miziara, Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho

Professor Associado

Downloads

Publicado

2020-07-03

Como Citar

Carmo, J. de S., Silveira, P. H. F. S., Vignardi, R. G., Canicoba, G. S., Mota, A. C. M. F., Miziara, C. S. M. G., & Miziara, I. D. (2020). Autolesão não suicida na adolescência como fator de predisposição ao suicídio. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 25(1), 3-9. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v25i1p3-9

Edição

Seção

Artigo