Ayahuasca: entre o legal e o cultural

Autores

  • Rodrigo Grazinoli Garrido PCERJ Instituto de Pesquisa e Perícias em Genética Forense e Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.
  • Bruno Duarte Sabino Instituto de Criminalística Carlos Eboli /Departamento Geral de Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v14i2p44-53

Palavras-chave:

Psicotrópicos, Legislação, Psychotria/efeitos de drogas, Chá/efeitos adversos, Banisteriopsis/efeitos de drogas.

Resumo

A Ayahuasca, chá produzido pela decocção do caule do cipó Jagube (Banisteriopsis caapi) e das folhas da Chacrona (Psychotria viridis), é um alucinógeno ritualístico que alcançou a atualidade através de várias doutrinas religiosas. No Brasil, entre as tradições religiosas que fazem uso da bebida estão o Santo Daime, a Barquinha e a União do Vegetal. A bebida contém a substância N,N-dimetiltriptamina, psicotrópico de uso proscrito pela Portaria SVS/MS 344/1998 e considerado droga pela Lei 11.343/2006. Apesar disto, o uso religioso do chá foi reconhecido

pelo CONAD em 2004 (Resolução 4/2004) e ratificado pela Resolução 1/2010. A partir daí, posicionamentos repletos de preconceitos e desprovidos de fundamentação científica têm sido gerados. A fim de contribuir com a discussão, o presente trabalho sistematiza o conhecimento antropológico, farmacológico e legal sobre o chá.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Grazinoli Garrido, PCERJ Instituto de Pesquisa e Perícias em Genética Forense e Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

Biomédico; Perito Criminal, Diretor do PCERJ Instituto de Pesquisa e Perícias em Genética Forense, Departamento
Geral de Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

Bruno Duarte Sabino, Instituto de Criminalística Carlos Eboli /Departamento Geral de Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

Farmacêutico; Perito Criminal, Instituto de Criminalística Carlos Eboli /Departamento Geral de Polícia Técnico-Científica/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

Downloads

Publicado

2009-12-07

Como Citar

Garrido, R. G., & Sabino, B. D. (2009). Ayahuasca: entre o legal e o cultural. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 14(2), 44-53. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v14i2p44-53

Edição

Seção

Artigo