A importância da identificação humana nos desastres de massa naturais, acidentais ou provocados: uma abordagem multidisciplinar

Autores

  • Karina Silva Funabashi Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.
  • Ana Carolina Monteiro Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.
  • Danilo Alves de Moraes Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.
  • Murilo Ramos Rocha Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.
  • Patricia Cristina Fincatti Moreira Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.
  • Edna Sadayo Miazato Iwamura Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v14i2p54-64

Palavras-chave:

Antropologia forense, Vítimas de desastres, Patologia legal/métodos.

Resumo

Desastres de massa sempre existiram e agora ocorrem com maior frequência pela ação do homem. Dessa

forma, consideramos importante a inclusão desse tema, tanto pelo caráter multidisciplinar dos trabalhos que se seguem aos desastres, em que profissionais das áreas da saúde, justiça e defesa civil estão envolvidos, bem como por ser do interesse de toda a sociedade. O escopo deste artigo é apresentar alguns dos principais acidentes de massa ocorridos nos últimos anos descritos na literatura enfocando as questões que se colocam aos profissionais nessas situações, bem como os avanços científicos e sua importância na identificação humana. Apresentamos: a) as dificuldades encontradas na identificação das vítimas dos ataques terroristas de 11 de setembro de 2001 no World Trade Center; b) o uso das técnicas para identificação de vítimas de guerras, genocídios; c) o uso das técnicas para identificação de vítimas de catástrofes naturais como o do Tsunami no Sul da Ásia em 26 de dezembro de 2004; d) a identificação do respomsável por um atentado em Jakarta em 2004: e) a Internet como ferramenta na vigilância da saúde na Geórgia em vítimas do furacão Katrina, ocorrido em 29 de agosto de 2005 e suas consequências. Como consideração final, apresentamos algumas recomendações, descritas após experiências vivenciadas em eventos dessa natureza.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina Silva Funabashi, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Pós-graduanda (Mestrado) do curso de Pós-graduação em Patologia – Departamento de Patologia – Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Ana Carolina Monteiro, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Graduanda do curso de Biomedicina da Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Danilo Alves de Moraes, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Graduando do curso de Biomedicina da Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Murilo Ramos Rocha, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Graduando do curso de Biomedicina da Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Patricia Cristina Fincatti Moreira, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Graduando do curso de Biomedicina da Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Edna Sadayo Miazato Iwamura, Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São Paulo – EPM/UNIFESP.

Professor adjunto do Departamento de Patologia – Escola Paulista de Medicina/Universidade Federal de São
Paulo – EPM/UNIFESP.

Downloads

Publicado

2009-12-07

Como Citar

Funabashi, K. S., Monteiro, A. C., Moraes, D. A. de, Rocha, M. R., Moreira, P. C. F., & Iwamura, E. S. M. (2009). A importância da identificação humana nos desastres de massa naturais, acidentais ou provocados: uma abordagem multidisciplinar. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 14(2), 54-64. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v14i2p54-64

Edição

Seção

Artigo