Contracepção e controle da natalidade: enfoque bioético

Autores

  • Marcos de Almeida Universidade de São Paulo USP, Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP – EPM.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v15i1p35-39

Palavras-chave:

Controle de natalidade, Contracepção, Bioética.

Resumo

No presente artigo, desenvolve-se uma reflexão a respeito da contracepção. O autor demonstra a

necessidade do controle de natalidade e rebate argumentos contrários aos métodos contraceptivos, como os que afirmam tratar-se de algo condenável por ser artificial ou antinatural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos de Almeida, Universidade de São Paulo USP, Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP – EPM.

Médico livre-docente em Bioética pela Universidade de São Paulo USP, professor titular da disciplina de medicina legal e bioética da Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP – EPM.

Downloads

Publicado

2010-06-07

Como Citar

Almeida, M. de. (2010). Contracepção e controle da natalidade: enfoque bioético. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 15(1), 35-39. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v15i1p35-39

Edição

Seção

Artigo