Consumo de álcool comórbido a transtornos alimentares: uma revisão da literatura

Autores

  • Júlio de Carvalho Ponce Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.
  • Camila Magalhães Silveira Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.
  • Arthur Guerra de Andrade Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP. Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.
  • Lúcio Garcia de Oliveira Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v16i1p30-38

Palavras-chave:

Etanol, Transtornos relacionados ao uso de álcool, Alcoolismo, Transtornos da alimentação, Anorexia, Bulimia, Transtorno da compulsão alimentar.

Resumo

Introdução

: Os transtornos do uso de álcool e os transtornos alimentares podem ser condições comórbidas. Pela escassez de pesquisas brasileiras a respeito dessa associação, uma revisão da literatura foi necessária para melhor compreendê-la. Métodos: Dezenove artigos científicos sobre a relação entre o uso de álcool, seus transtornos e a incidência de transtornos alimentares foram revisados, aprofundando-se a análise em 15 deles. Resultados: Os transtornos alimentares são situações comórbidas ao uso de álcool, de tal forma que a freqüência de seu uso, assim como a prevalência de abuso e dependência, é alta entre pacientes com transtornos alimentares, relação cuja gravidade parece estar aumentada entre os sujeitos diagnosticados com bulimia nervosa. Essa relação também tem sido encontrada entre sujeitos saudáveis que tenham forte restrição sobre a dieta alimentar, um dos sintomas dos transtornos alimentares. Discussão e Conclusões: Como a situação de uma doença adicional pode mudar a sintomatologia, interferir no diagnóstico, no tratamento e no prognóstico de condições psiquiátricas comórbidas, é muito importante que, desde a primeira avaliação de pacientes com suspeita de transtornos alimentares, o uso de álcool seja avaliado, assim como o uso de outras substâncias psicoativas. Detectá-los precocemente pode aumentar a adesão do paciente a um possível tratamento e seu sucesso, assim como a um bom prognóstico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Júlio de Carvalho Ponce, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.

Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.

Camila Magalhães Silveira, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.

Departamento de Psiquiatria, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP.

Arthur Guerra de Andrade, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP. Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.

Departamento de Psiquiatria, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP. Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.

Lúcio Garcia de Oliveira, Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.

Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina do ABC – FMABC.

Downloads

Publicado

2011-06-07

Como Citar

Ponce, J. de C., Silveira, C. M., Andrade, A. G. de, & Oliveira, L. G. de. (2011). Consumo de álcool comórbido a transtornos alimentares: uma revisão da literatura. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 16(1), 30-38. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v16i1p30-38

Edição

Seção

Artigo