Genética da conservação aplicada ao tráfico ilegal de aves

Autores

  • BP Gonçalves Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP.
  • AP Wasko Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v18ispep79-83

Palavras-chave:

Aves, Sexagem, Genética da conservação, Tráfico.

Resumo

Entre os animais silvestres envolvidos em tráfico/comércio ilegal no Brasil, as aves compreendem um dos grupos mais atingidos, especialmente devido a características como canto e colorido das penas. Atualmente, análises genéticas compreendem uma das formas mais eficazes de gerar dados para solucionar e minimizar os resultados de crimes ambientais e comércio ilegal de animais silvestres. Uma das análises genéticas que podem ser utilizadas com o intuito de subsidiar programas conservacionistas associados ao tráfico ilegal de aves refere-se à sexagem molecular, dado que neste grupo de vertebrados nem sempre é possível identificar o gênero por meio de caracteres morfológicos. A sexagem molecular pode ser feita com base em amostras de DNA obtidas de diferentes fontes, como penas e sangue, e posterior amplificação de regiões dos genes CHD-Z e CHD-W (chromo helicase-DNA binding). Os dados de perfis genéticos sexoespecíficos servem de subsídio a programas conservacionistas de manutenção e/ou reprodução em cativeiro e posterior soltura ou reintrodução dos animais em ambiente natural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

BP Gonçalves, Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP.

Bióloga, Professora Assistente Doutora do Departamento de Genética, Instituto de Biociências, UNESP.

AP Wasko, Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP.

Bióloga, Aluna de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Genética), Instituto de Biociências, UNESP.

Downloads

Publicado

2013-12-26

Como Citar

Gonçalves, B., & Wasko, A. (2013). Genética da conservação aplicada ao tráfico ilegal de aves. Saúde, Ética & Justiça (e-ISSN 2317-2770), 18(spe), 79-83. https://doi.org/10.11606/issn.2317-2770.v18ispep79-83

Edição

Seção

Artigo