Marcas, publicidade e valores relativos à periodização da vida: Possibilidades de ressignificação da maturidade adulta

Autores

  • Maria Ogécia Drigo Universidade de Sorocaba
  • Clotilde Perez Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-5057.v7i1p22-38

Palavras-chave:

publicidade, marca, periodização da vida, velhice, análise semiótica

Resumo

O presente artigo tem o propósito de refletir sobre a periodização da vida, com ênfase na velhice, por meio de representações das marcas e suas expressões na publicidade, discorrendo sobre a noção de cultura-mundo; apresentam-se aspectos da periodização da vida ao longo de múltiplos períodos históricos e análise semiótica, na perspectiva da semiótica peirceana, de uma campanha publicitária. A relevância deste artigo está em mostrar que a publicidade coloca a velhice em evidência, uma vez que as marcas propõem a fragilização de fronteiras entre idades, em geral, bem como apresenta a tecnologia como potencial para promover a aproximação entre idosos e adolescentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Ogécia Drigo, Universidade de Sorocaba

Pós-doutora em Ciências da Comunicação pela ECA-USP. Doutora em Comunicação e Semiótica pela PUC SP. Professora do Programa de Comunicação e Cultura da Uniso, Universidade de Sorocaba.

 

Clotilde Perez, Universidade de São Paulo

Livre-docente em Ciências da Comunicação pela ECA – USP. Professora do PPGCom e da graduação em Publicidade da ECA – USP. Lider do GESC3 – Grupo de Estudos Semióticos em Comunicação, Cultura e Consumo. Professora da PUC SP.

Downloads

Publicado

2015-07-15

Como Citar

DRIGO, M. O.; PEREZ, C. Marcas, publicidade e valores relativos à periodização da vida: Possibilidades de ressignificação da maturidade adulta. Signos do Consumo, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 22-38, 2015. DOI: 10.11606/issn.1984-5057.v7i1p22-38. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/signosdoconsumo/article/view/111267. Acesso em: 1 dez. 2022.