Análise sociossemiótica do discurso político-partidário

Autores

  • Rosália Maria Netto Prados Universidade de São Paulo
  • Moacir Wuo Pontifícia Universidade Católica de Campinas
  • Luci Mendes de Melo Bonini Universidade de Mogi das Cruzes

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-5057.v7i2p191-204

Palavras-chave:

discurso político, sociossemiótica, partido político

Resumo

Propõe-se identificar, descrever e analisar a estrutura narrativa de um discurso político partidário, no editorial de uma publicação periódica de um partido político brasileiro, surgido nos anos 80. O objeto de estudo é o editorial na página 2 da edição número 15 da revista Pensar Verde, uma publicação patrocinada pela Fundação Verde Herbet Daniel, ligada ao Partido Verde. Esta revista encontra-se numa plataforma de aceso aberto para publicação de livros e revistas intitulada ISSU. É um estudo do discurso, cuja metodologia baseia-se na Semiótica, mais especificamente na Sociossemiótica, pois trata-se de um estudo de discursos sociais, cujos sujeitos enunciador e enunciatário são coletivos, ou grupos sociais, ou partidos políticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosália Maria Netto Prados, Universidade de São Paulo

Licenciada em Letras e pedagogia, Doutora em Semiótica e Linguística Geral, pela USP, pós-doutora em Ciências da Comunicação, pela ECA-USP. Membro do Corpo Editorial das Revistas Acta Semiótica e Revista Brasileira de Linguística. Docente pesquisadora do Mestrado em Políticas Públicas da Universidade de Mogi das Cruzes e professora da FATEC-SP. Políticas Culturais e Educação: estudo dos discursos, multiculturalismo e diversidade.

 

 

Moacir Wuo, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Licenciado em Ciências Biológicas e Pedagogia, Mestre em Psicologia Escolar e Doutor em Psicologia pela PUC-CAMP. Coordenador do Curso de Biologia e docente pesquisador do Mestrado em Políticas Públicas da Universidade de Mogi das Cruzes, Coordenador do PIBID-CAPES, na mesma instituição e coordenador do projeto de Pesquisa: BIODAT - Biodiversidade do Alto Tietê.

 

Luci Mendes de Melo Bonini, Universidade de Mogi das Cruzes

Doutora e Mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, coordenadora do Núcleo de Pesquisa em Ciências Sociais Aplicadas (NCSA) da Universidade de Mogi das Cruzes e Líder do GRUPPU - Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas – CNPq, coordenadora do Mestrado em Políticas Públicas da Universidade de Mogi das Cruzes. Membro do conselho editorial da revista Acta Semiótica (UFPB) e da Revista Nexi (PUC-SP) e revisora de outros periódicos de circulação nacional. Responsável pelo projeto de pesquisa: Observatório Cultural do Alto Tietê.

Downloads

Publicado

2015-12-15