Diversidade, gênero e consumo

estudos contemporâneos

Palavras-chave: diversidade, gênero, estudos contemporâneos, consumo

Resumo

Em que consiste a intensidade da experiência contemporânea? Este texto articula uma reflexão ensaística sobre diversidade, gênero e consumo, ao considerar as dinâmicas estratégicas no campo contemporâneo da comunicação, exemplificadas a partir do videoclipe brasileiro Corpo fechado (2018), de Johnny Hooker. O percurso metodológico equaciona uma abordagem qualitativa e empírica de observar, descrever e discutir, cuja base teórica efetiva-se pelos estudos contemporâneos. Como resultado, enunciados desafiadores impactam a mensagem mercadológico-midiática na atualidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wilton Garcia, Universidade de Sorocaba, Sorocaba, Brasil

Professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura da Universidade de Sorocaba (Uniso) e da Fatec Itaquaquecetuba, e líder do Grupo de Pesquisa Mídias Contemporâneas (MIDCON). Doutor em Comunicação pela Universidade de São Paulo.

Publicado
2018-12-20