Uso de substâncias lícitas entre os estudantes de Fonoaudiologia de uma universidade pública

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2022.169569

Palavras-chave:

Bebidas Alcoólicas, Uso de Tabaco, Estudantes, Fonoaudiologia, Prevenção

Resumo

Objetivo: analisar o consumo de álcool e tabaco entre os estudantes do curso de Fonoaudiologia de uma universidade pública. Método: trata-se de um estudo transversal; a investigação foi fundamentada no preenchimento do instrumento proposto pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas. O estudo possui uma amostra de 130 estudantes matriculados no curso de Fonoaudiologia, o que corresponde a 79,06% dos alunos matriculados em 2018. Resultados: o álcool apresenta-se como uma das substâncias lícitas mais consumidas entre os universitários, o uso na vida, no ano e nos últimos 30 dias foram de 79,2%, 56,2% e 45,4%, respectivamente. Quanto ao tabaco, 21,5% relataram que realizaram o consumo de tabaco em algum momento da vida; no ano, 8,5% e, nos últimos 30 dias, 7,7%. Na análise multivariada, as variáveis preditoras significativas para o uso de álcool foram idade (no mês) e prática religiosa (no ano e no mês). Já para o uso do tabaco foram: sexo (ao longo da vida), prática religiosa (ao longo da vida e no ano) e grupo étnico (no ano). Conclusão: os achados deste estudo apontam que prevalece o consumo das substâncias lícitas entre os universitários, tornando-se importante maior abordagem do tema e ações de prevenção ao uso ...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Gomes IP, Pereira RA da C, Santos BF dos, Pinheiro M de A, Alencar CH, Cavalcanti LP de G. Fatores Associados à Manutenção do Vício de Fumar e do Consumo de Álcool entre Acadêmicos de Medicina em uma Capital do Nordeste do Brasil. Rev Bras Educ Méd. 2019;43(1):55-64. doi: http://doi.org/10.1590/1981-52712015v43n1rb20180068

Portugal FB, Siqueira MM de. Fatores associados ao uso de substâncias psicoativas entre universitários de pedagogia da Universidade Federal do Espírito Santo. Cad Saúde Coletiva. 2011;19(3). doi: http://doi.org/10.1590/ S0047-20852008000300006

Peuker AC, Fogaça J, Bizarro L. Expectativas e beber problemático entre universitários. Psicol Teoria Pesqui. 2006;22(2):193-200. doi: http://doi.org/10.1590/ S0102-37722006000200009

Pereira ISSD, Melo RA, Gurgel AJP, Barbosa AGM, Zanatta IC, Melo SLA, et al. Uso de bebidas alcoólicas por estudantes de medicina. J Health NPEPS. 2020;5(1):242- 60. doi: http://doi.org/10.30681/252610104307

Pinheiro M de A, Torres LF, Bezerra MS, Cavalcante RC, Alencar RD, Donato AC, et al. Prevalência e Fatores Associados ao Consumo de Álcool e Tabaco entre Estudantes de Medicina no Nordeste do Brasil. Rev Bras Educ Méd. 2017;41(2):231-9. doi: http://doi. org/10.1590/1981-52712015v41n2rb20160033

Bastos FIPM, Vasconcellos MT, De Boni RB, Reis NB, Coutinho CFS. III Levantamento Nacional sobre o uso de drogas pela população brasileira. Rio de Janeiro: FIOCRUZ/ICICT; 2017

Magalhães L de SP de, Vernaglia TVC, Sousa FAM de, Chagas SV da, Cruz MS. The drugs phenomenon from the perspective of nursing students: patterns of consumption, attitudes and beliefs. Esc Anna Nery. 2018;22(1). doi: http://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0205

Rodríguez-Muñoz PM, Carmona-Torres JM, Rodríguez- Borrego MA. Influence of tobacco, alcohol consumption, eating habits and physical activity in nursing students. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2020;28. doi: http://doi. org/10.1590/1518-8345.3198.3230

Moreira T de C, Gadenz C, Figueiró LR, Capobianco DM, Cunha K, Ferigolo M, et al. Uso de substâncias psicoativas, alterações vocais e qualidade de vida em usuários de drogas lícitas e ilícitas. Rev CEFAC. 2015;17(2):374-84. doi: http://doi.org/10.1590/1982 021620156714

Andrade AG, Duarte PCAV, Oliveira LG, organizadores. I Levantamento Nacional sobre o Uso de Álcool e Outras Drogas entre Universitários das 27 Capitais Brasileiras. Observatório Brasileiro de Informações sobre Drogas, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas. Brasília; 2010. 284 p

Conselho Nacional de Saúde (BR). Resolução n. 196/96 regulamenta e estabelece as diretrizes para as pesquisas envolvendo seres humanos no Brasil. Brasília; 1996. [Acesso 10 ago 2019]. Disponível em: http://www. conselho.saude.gov.br/

Henriquéz PC, Carvalho AMP de. Perceptions of drugs benefits and barriers to quit by undergraduate health students. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2008;16( n.spe). doi: http://doi.org/90/S0104-11692008000700019

Mendonça AKRH, Jesus CVF de, Figueiredo MBG de A, Valido DP, Nunes MAP, Lima SO. Alcohol consumption and factors associated with binge drinking among female university students of health area. Esc Anna Nery. 2018;22(1). doi: http://doi. org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0096

Barros MSMR de, Costa LS. Perfil do consumo de álcool entre estudantes universitários. SMAD, Rev Eletrônica Saúde Mental Álcool Drog. 2019;15(1). doi: http://doi. org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2019.000353

Laranjeira R, Madruga CS, Pinsky I, Caetano R, Ribeiro M, Mitsuhiro S. II Levantamento Nacional de Álcool e Drogas Consumo de Álcool no Brasil: Tendências entre 2006/2012. São Paulo: INPAD; 2013

Pinho MC de, Souza RCF de, Portugal FB, Siqueira MM de. Uso de álcool e tabaco entre universitários de Terapia Ocupacional de uma universidade pública. SMAD, Rev Eletrônica Saúde Mental Álcool Drog. (Ed. port.) 2020;16(1). doi: http://doi.org/10.11606/issn.1806- 6976.smad.2020.152411

Santos DDM, Guimarães MM, Bodevan EC, Rocha RL, Pinheiro MLP. Uso de substâncias psicoativas entre estudantes universitários. SMAD, Rev Eletrônica Saúde Mental Álcool e Drog. 2019;15(3):1-9. doi: http://doi. org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2019.148973

Pelicioli M. Perfil do consumo de álcool e prática do beber pesado episódico entre universitários brasileiros da área da saúde. J Bras Psiquiatria. 2017; 66(3):150-6. doi: http://doi.org/10.1590/0047-2085000000164

Chiapetti N, Serbena CA. Uso de álcool, tabaco e drogas por estudantes da área de saúde de uma Universidade de Curitiba. Psicol Reflexão Crítica. 2007;20(2). doi: http:// doi.org/10.1590/S0102- 79722007000200017

Picolotto E, Libardoni LFC, Migott AMB, Geib LTC. Prevalência e fatores associados com o consumo de substâncias psicoativas por acadêmicos de enfermagem da Universidade de Passo Fundo. Ciênc Saúde Coletiva. 2010;15(3):645–54. doi: http://doi.org/10.1590/ S1413-81232010000300006

Teixeira RF, Souza RS, Buaiz V, Siqueira MM. Uso de substâncias psicoativas entre estudantes de odontologia da Universidade Federal do Espírito Santo. Rev Ciênc Saúde Coletiva. 2010;15(3):655-62. doi: http://doi. org/10.1590/S1413-81232010000300007

Portugal FB, Souza RS, Buaiz V, Siqueira MM. Uso de drogas por estudantes de Farmácia da Universidade Federal do Espírito Santo. J Bras Pisquiatria. 2008;57(2):127-32. doi: http://doi.org/10.1590/ S0047-20852008000200008

Santos MVF, Pereira DS, Siqueira MM. Uso de álcool e tabaco entre estudantes de Psicologia da Universidade Federal do Espírito Santo. J Bras Psiquiatria. 2013;62(1):22-30. doi: http://doi.org/10.1590/ S0047-20852013000100004

Bastos FI, Bertoni N, Hacker MA. Consumo de álcool e drogas: principais achados de pesquisa de âmbito nacional, Brasil 2005. Rev Saúde Pública. 2008;42(suppl 1):109-17. doi: http://doi.org/10.1590/S0034-89102008000800013

Vargas D de, Oliveira MAF de, Araújo EC. Prevalência de dependência alcoólica em serviços de atenção primária à saúde de Bebedouro, São Paulo, Brasil. Cad Saúde Pública. 2009;25(8):1711-20. doi: http://doi. org/10.1590/S0102-311X2009000800007

Amato TDC, Silveira PS da, Oliveira JS de, Ronzani TM. Uso de bebida alcoólica, religião e outras características sociodemográficas em pacientes da atenção primária à saúde - Juiz de Fora, MG, Brasil - 2006. SMAD, Rev Eletrônica Saúde Mental Álcool e Drog. 2008;4(2):1. doi: http://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v4i2p01-17

Queiroz N da R, Portella LF, Abreu AMM. Associação entre o consumo de bebidas alcoólicas e tabaco e a religiosidade. Acta Paul Enferm. 2015;28(6):546-52. doi: http://doi.org/10.1590/1982-0194201500091

Jomar RT, Abreu ÂMM, Griep RH. Padrões de consumo de álcool e fatores associados entre adultos usuários de serviço de atenção básica do Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Cienc Saúde Coletiva. 2014;19(1):27-37. doi: http://doi. org/10.1590/1413-81232014191.2009

Malta DC, Mascarenhas MDM, Porto DL, Duarte EA, Sardinha LM, Barreto SM, et al. Prevalência do consumo de álcool e drogas entre adolescentes: análise dos dados da Pesquisa Nacional de Saúde Escolar. Rev Bras Epidemiol. 2011;14(suppl 1):136-46. doi: http://doi.org/10.1590/ S1415-790X2011000500014

Publicado

2021-06-30

Como Citar

Portugal, F. B., Puppim, N. G., & Siqueira, M. M. de. (2021). Uso de substâncias lícitas entre os estudantes de Fonoaudiologia de uma universidade pública. SMAD Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool E Drogas (Edição Em Português), 17(2), 16-25. https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2022.169569