Influência da espiritualidade e religiosidade no abuso de álcool e drogas: revisão integrativa

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2022.171439

Palavras-chave:

Espiritualidade, Religiosidade, Saúde Mental, Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias

Resumo

Objetivo: apresentar uma revisão integrativa da literatura científica acerca das possíveis influências da religiosidade e da espiritualidade como fator protetor no âmbito da dependência de substâncias. Método: trata-se de uma revisão integrativa de literatura nas bases de dados: LILACS - Literatura LatinoAmericana e do Caribe em Ciências da Saúde; MEDLINE - Medical Literature Analysis and Retrieval System Online; BDENF - Base de Dados de Enfermagem, no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2019. Resultados: após a leitura e análise, foram recuperados 12 artigos. A literatura apontou que a influência da espiritualidade e religiosidade foi significativa, atuando de forma protetora para indivíduos saudáveis e como suporte no tratamento de dependência química. O bem-estar espiritual deve ser abordado nos cuidados com o paciente de forma holística. No entanto, verificou-se déficit na formação acadêmica quanto à espiritualidade e sua relação com a saúde mental. Conclusão: a espiritualidade e a religiosidade são fatores de influência positiva para os dependentes químicos sob tratamento e conferem proteção para a saúde mental de indivíduos vulneráveis, sendo necessária a integração deste conteúdo na formação acadêmica dos profissionais de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2022-07-22

Como Citar

Campos, M. T. F. ., & Rodrigues, J. P. . (2022). Influência da espiritualidade e religiosidade no abuso de álcool e drogas: revisão integrativa. SMAD, Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool E Drogas (Edição Em Português), 18(2), 106-116. https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.smad.2022.171439