Causas múltiplas de óbito e as internações psiquiátricas por uso e abuso de substâncias psicoativas em um município de minas gerais

Autores

  • Cecília Godoi Campos Faculdade Pitágoras
  • Moacyr Lobo da Costa Junior Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v9i3p111-115

Palavras-chave:

Saúde Mental; Saúde Pública; Epidemiologia; Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias

Resumo

Neste estudo o objetivo foi descrever as internações psiquiátricas do Sistema Único de Saúde por uso e abuso de substâncias psicoativas, em um município de Minas Gerais, entre os anos 1998 e 2009. As informações foram obtidas por meio de dados secundários coletados no Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde brasileiro. Observou-se aumento no número de internações por outras drogas. Entre as 751 internações registradas, não houve nenhum óbito, mas, ao se analisar os óbitos ocorridos na população residente e não internada, registraram-se 143 óbitos. Esses resultados demonstram a necessidade de acompanhamento epidemiológico por parte da comunidade científica sobre o uso dessas substâncias, como também a análise das causas de óbitos registrados na população usuária de substâncias psicoativas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2013-12-01

Como Citar

Campos, C. G., & Junior, M. L. da C. (2013). Causas múltiplas de óbito e as internações psiquiátricas por uso e abuso de substâncias psicoativas em um município de minas gerais. SMAD Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool E Drogas (Edição Em Português), 9(3), 111-115. https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v9i3p111-115

Edição

Seção

Artigo Original de Chamada