Associação entre depressão, estresse, ansiedade e uso de álcool entre servidores públicos

Autores

  • Rejane Salomão Gavin Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Emilene Reisdorfer University of Alberta; Faculty of Nursing
  • Edilaine Cristina da Silva Gherardi-Donato Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Leonardo Naves dos Reis Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Ana Carolina Guidorizzi Zanetti Universidade de São Paulo; Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v11i1p2-9

Palavras-chave:

Depressão; Estresse Psicológico; Saúde do Trabalhador; Estudos Transversais

Resumo

OBJETIVO: identificar a associação de sintomatologia depressiva com variáveis sociodemográficas, exposição e dimensões do estresse ocupacional. MATERIAL E MÉTODO: trata-se de estudo transversal, com 1.239 trabalhadores da categoria técnico-administrativa de uma universidade pública do interior do Estado de São Paulo. Foram avaliadas questões sociodemográficas, sintomatologia depressiva e ansiosa, uso problemático de álcool e estresse no trabalho. RESULTADOS: os servidores públicos relataram trabalhar sob baixa demanda psicológica e alto controle sobre o trabalho executado, além de atuar com baixa exigência. Cerca um quinto dos trabalhadores apresentou sintomatologia ansiosa e/ou depressiva e 13,2% preencheram critérios para uso problemático de álcool. CONCLUSÃO: os achados deste estudo indicam aspectos relevantes a serem enfocados por planos e estudos de intervenção, para prevenir o adoecimento mental dos trabalhadores, principalmente relacionado à sintomatologia depressiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-03-01

Como Citar

Gavin, R. S., Reisdorfer, E., Gherardi-Donato, E. C. da S., Reis, L. N. dos, & Zanetti, A. C. G. (2015). Associação entre depressão, estresse, ansiedade e uso de álcool entre servidores públicos. SMAD, Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool E Drogas (Edição Em Português), 11(1), 2-9. https://doi.org/10.11606/issn.1806-6976.v11i1p2-9

Edição

Seção

Artigo Original de Chamada