Interpretação comunitária, direitos humanos e assistência social: proposta de política pública no contexto brasileiro

Autores

  • Daniella Avelaneda Origuela Professora e Mestre do curso de graduação Tradutor-Intérprete da Universidade Nove de Julho – UNINOVE

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2014.85578

Palavras-chave:

Direitos Humanos, imigração, Interpretação Comunitária, políticas públicas, refúgio, Serviço Social

Resumo

O artigo aborda algumas questões da área da Interpretação Comunitária, especialmente as intersecções com os Direitos Humanos e a Assistência Social. Analisando a atual situação da imigração e do refúgio, nota-se que o Brasil tem sido escolhido como país de destino de muitos imigrantes e refugiados; e prevendo um aumento nesses números, apontamos a necessidade de implantação de políticas públicas que atendam as pessoas com necessidades de comunicação em português nas mais diferentes situações. Tais políticas públicas envolvem a área da Interpretação e também podem ser elaboradas a partir ou em parceria com outras áreas do conhecimento, como o Serviço Social e o Direito.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniella Avelaneda Origuela, Professora e Mestre do curso de graduação Tradutor-Intérprete da Universidade Nove de Julho – UNINOVE

É graduada em Letras, Tradutor-Intérprete, pela Unibero e mestre em Estudos Linguísticos e Literários em Inglês pela USP com dissertação sobre o teatro de Nelson Rodrigues traduzido e encenado em língua inglesa. Participou com comunicações do 61° Gel e da Abrapt em 2013. Leciona na graduação do curso Tradutor e Intérprete da UNINOVE e da Unimep, nesta última também leciona na pós-graduação lato sensu no curso Língua Inglesa e Tradução. Atualmente está no curso sequencial da PUC-SP de Interpretação e pesquisa Interpretação Comunitária e Tradução Teatral.

Downloads

Publicado

2014-10-15

Como Citar

Origuela, D. A. (2014). Interpretação comunitária, direitos humanos e assistência social: proposta de política pública no contexto brasileiro. Tradterm, 23, 225-240. https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2014.85578

Edição

Seção

Artigos