Le Musée de l'histoire de l'immigration à Paris: une collection et un musée en devenir

Autores

  • Andréa Delaplace l'Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne

DOI:

https://doi.org/10.1590/1982-02672015v23n0209

Resumo

Com a globalização e o surgimento da Comunidade Europeia, a questão das migrações se apresenta no centro das preocupações políticas mundiais contemporâneas. E nesse contexto histórico de países de imigração ou de emigração organizam-se os museus de estudos das migrações que pertencem à categoria dos museus de história e de sociedade. Em outubro de 2007, é criada, em Paris, a Cité nationale de l'Histoire de l'Immigration (CNHI) que desde 2013 passou a se chamar Musée de l'histoire de l'immigration (MHI): um museu que apresenta ao público uma abordagem histórica e cultural da imigração assim como obras de arte contemporânea que tratam do tema. Neste artigo, bucaremos compreender como este museu constitui uma tentativa de reconhecimento do patrimônio da imigração como um patrimônio nacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-12-01

Como Citar

Delaplace, A. (2015). Le Musée de l’histoire de l’immigration à Paris: une collection et un musée en devenir. Anais Do Museu Paulista: História E Cultura Material, 23(2), 239-264. https://doi.org/10.1590/1982-02672015v23n0209

Edição

Seção

Museus