A vanguarda tropical de Mário de Andrade

Autores

  • Caion Meneguello Natal Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.1590/1982-02672016v24n0205

Resumo

Este artigo centra-se na relação entre vanguarda e identidade nacional presente na obra de Mário de Andrade ao longo da década de 1920. A proposta é abordar textos diversos que o autor produziu nesse período, tais como críticas, crônicas, ensaios, cartas, poemas e narrativas de ficção. Nossa hipótese é que, por mais diversificados que sejam seus escritos, haveria em Mário de Andrade um discurso deliberadamente construído, o qual se nortearia por pressupostos estéticos (apropriados, sobretudo, às teorias vanguardistas da Europa) e por uma concepção de brasilidade.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2016-08-01

Edição

Seção

Estudos de Cultura Material

Como Citar

NATAL, Caion Meneguello. A vanguarda tropical de Mário de Andrade. Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material, São Paulo, v. 24, n. 2, p. 161–186, 2016. DOI: 10.1590/1982-02672016v24n0205. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/anaismp/article/view/122777.. Acesso em: 19 maio. 2024.