O duplo espelho em um conto de Machado de Assis

Autores

  • Alfredo Bosi Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Resumo

O ensaio é uma tentativa de interpretar o conto "O espelho", de Machado de Assis, à luz de dois registros: o da leitura sociológica canônica e o da leitura existencial. Pelo primeiro, a experiência do protagonista é compreendida em termos da força do papel social que modela, de fora para dentro, a identidade do sujeito. Pelo segundo, essa mesma experiência permite o afloramento de uma consciência infeliz, que é negativa e crítica. O caráter dialético dessa segunda leitura não se dá, porém, como superação hegeliana do momento inicial do processo, mas como coexistência dos opostos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-01-01

Como Citar

Bosi, A. (2014). O duplo espelho em um conto de Machado de Assis . Estudos Avançados, 28(80), 237-246. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/eav/article/view/79696

Edição

Seção

Literatura