Teorias da socialização: um estudo sobre as relações entre indivíduo e sociedade

Autores

  • Maria Graça Jacintho Setton

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1517-97022011000400003

Palavras-chave:

Socialização, Indivíduo, Sociedade, Fato social total, Configuração, Hibridação

Resumo

O artigo propõe uma reflexão na qual a interdependência entre as instâncias de socialização e os indivíduos faça-se presente. Com base em algumas formulações sobre a sociologia dos processos socializadores, empreende-se uma análise a fim de apreender a complexa dinâmica educativa da atualidade. Existe e é possível concretizar empiricamente a articulação de interdependência entre as matrizes de cultura? Como compreender o imbricado e conflituoso processo de construção das disposições de habitus? Identificando uma nova estruturação no campo da socialização, busca-se uma perspectiva relacional entre as agências a fim de apreender a especificidade do processo de construção das disposições de habitus do indivíduo contemporâneo. A partir dos conceitos de fato social total, de Marcel Mauss, e de hibridismo, do antropólogo latino-americano Nestor García-Canclini, formula-se a hipótese de que a cultura da modernidade imprime uma nova prática socializadora distinta das demais verificadas historicamente. Assim sendo, a discussão pretende contribuir para os estudos relativos aos processos socializadores nos âmbitos institucional e individual, bem como auxiliar no difícil procedimento de investigar a construção das disposições de habitus com base na observação cuidadosa dos mecanismos e das estratégias formadoras. Amplia a leitura sobre o alcance e o limite de cada uma das matrizes de cultura e, simultaneamente, permite perscrutar sobre o movimento de ascensão de novas agências socializadoras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-01

Como Citar

Setton, M. G. J. (2011). Teorias da socialização: um estudo sobre as relações entre indivíduo e sociedade . Educação E Pesquisa, 37(4), 711-724. https://doi.org/10.1590/S1517-97022011000400003

Edição

Seção

Artigos