Produção do fracasso escolar e o furor avaliativo: o sujeito resiste?

Autores

  • Eric Ferdinando Kanai Passone Universidade de São Paulo; Faculdade de Educação; Laboratório de Estudos e Pesquisas Psicanalíticas e Educacionais

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-1624.v20i3p400-420

Resumo

Pensar o fracasso escolar como acontecimento do sujeito subverte o discurso do fracasso produzido em grande medida pelo fantasma da avaliação "standard" na gestão do ensino. Nessa perspectiva, interrogam-se o furor avaliativo e os discursos acerca da eficácia e qualidade dos sistemas educacionais enquanto dispositivos de domesticação social dos mais novos que acabam por aumentar a psicologização e a medicalização no cotidiano escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-12-01

Como Citar

Passone, E. F. K. (2015). Produção do fracasso escolar e o furor avaliativo: o sujeito resiste? . Estilos Da Clinica, 20(3), 400-421. https://doi.org/10.11606/issn.1981-1624.v20i3p400-420

Edição

Seção

Dossiê