Internet e Redes Migratórias Transnacionais: Narrativas da Diáspora sobre o Brasil como país de Imigração

Autores

  • Denise Cogo Escola Superior de Propaganda e Marketing

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-7714.no.2015.102224

Palavras-chave:

Migrations, Transnationalism, Social network, Internet, Citizenship

Resumo

O texto tem como objetivo analisar o surgimento de iniciativas de apropriações e usos da internet por parte dos novos grupos migratórios, que, a partir de 2008, escolhem o Brasil como destino migratório. A partir do campo conceitual da comunicação, migrações transnacionais, redes e cidadania, analisamos as narrativas de dois grupos e um perfil do site de rede social Facebook - criados, administrados e frequentados por espanhóis, portugueses e haitianos – para refletir como esses imigrantes constituem espaços de interação para um “falar de si”, de suas experiências migratórias e de seus processos de cidadania. Evidenciamos, na análise, usos da internet orientados à mobilização de redes de sociabilidade e apoio para o planejamento dos projetos migratórios, o enfrentamento das políticas migratórias brasileiras e a recriação multiterritorial da experiência da diáspora.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denise Cogo, Escola Superior de Propaganda e Marketing

Professora da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), São Paulo, e Pesquisadora Produtividade 1D do CNPq com Pós-Doutorado na Universidade Autônoma de Barcelona (UAB), Espanha. Atual vice-coordenadora do Grupo de Trabalho Estudios de Recepción da Asociación Latinoamericanas de Investigadores de la Comunicación (ALAIC). é Coordenadora do Grupo de Pesquisa Interculturalidade, Cidadania, Comunicação e Consumo.

Downloads

Publicado

2015-06-17

Como Citar

Cogo, D. (2015). Internet e Redes Migratórias Transnacionais: Narrativas da Diáspora sobre o Brasil como país de Imigração. Novos Olhares, 4(1), 91-104. https://doi.org/10.11606/issn.2238-7714.no.2015.102224

Edição

Seção

DOSSIÊ