A consultoria individual e o diário de aprendizagem como instrumentos para o desenvolvimento de autonomia no contexto de ensino de alemão como língua estrangeira

Autores

  • Mergenfel Ferreira Universidade Federal do Rio de Janeiro, Faculdade de Letras, Departamento de Letras AngloGermânicas
  • Gabriela Marques-Schäfer Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Letras

DOI:

https://doi.org/10.11606/1982-88371928101

Palavras-chave:

Autonomia, Consultoria de Aprendizagem, Diário de Aprendizagem, Alemão como Língua Estrangeira

Resumo

O presente artigo advoga a necessidade de um trabalho voltado para o desenvolvimento de estratégias de autonomia que possam contribuir para a conscientização de estudantes de Alemão como Língua Estrangeira (ALE), em contexto universitário, sobre sua importância no processo de aprendizagem. Para tal, foi desenvolvida uma pesquisa junto a estudantes de graduação em Letras, Português-Alemão, de uma Universidade no Rio de Janeiro, com vistas a se verificar a influência do uso de recursos metodológicos como consultoria individual e diário de aprendizagem sobre sua percepção acerca de aspectos relacionados a aprendizado autônomo e centralidade do aprendiz no processo de aprendizagem/aquisição de ALE. Assim, nesse trabalho, serão discutidos não somente os resultados dessa pesquisa, mas também serão apresentados os principais pressupostos teóricos que balizaram a análise dos dados

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-08-16

Como Citar

FERREIRA, M.; MARQUES-SCHÄFER, G. A consultoria individual e o diário de aprendizagem como instrumentos para o desenvolvimento de autonomia no contexto de ensino de alemão como língua estrangeira. Pandaemonium Germanicum, São Paulo, v. 19, n. 28, p. 101-123, 2016. DOI: 10.11606/1982-88371928101. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/pg/article/view/119175. Acesso em: 3 dez. 2021.

Edição

Seção

Nao definida