Avaliação da ação germicida da luz ultravioleta de cabine de segurança biológica frente às espécies bacterianas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.rmrp.2021.166597

Palavras-chave:

Cabine de Segurança Biológica., Staphylococcus aureus, Klebsiella pneumoniae, Luz Ultravioleta

Resumo

Introdução: A cabine de segurança biológica (CBS) é um equipamento de proteção coletiva, utilizado para efetuar a contenção de aerossóis produzidos nos procedimentos laboratoriais. A CBS protege tanto os trabalhadores, quanto o material manipulado e o meio ambiente. Dispõe de lâmpadas de luz ultravioleta (UV) que possui ação germicida, alterando os ácidos nucleicos dos micro-organismos. Objetivo: O objetivo do presente estudo foi avaliar a ação germicida da luz UV da CBS classe II, tipo A2, frente à cultura de duas espécies de bactérias com diferentes condições de exposição a luz UV. Material e Métodos: Para o desenvolvimento da pesquisa foram utilizadas as bactérias Staphylococcus aureus ATCC 25923 e Klebsiella pneumoniae ATCC 10031, na concentração de 1,5x108 Unidades Formadoras de Colônias/ml (UFC/ml), que após a semeadura em biplacas de Petri foram expostas à luz UV em diferentes condições e tempos. Resultados: Os resultados obtidos revelaram que as espécies de bactérias apresentaram igual perfil de crescimento ou inibição quando submetidas às diferentes condições de exposição. As biplacas de Petri com as tampas abertas e protegidas ou não com embalagem de esterilização apresentaram, nos tempos 15 e 20 minutos, inibição bacteriana. Nas biplacas protegidas pelo papel alumínio e nas biplacas com a tampa fechada, independentemente do tempo e da condição, os micro-organismos apresentaram crescimento bacteriano. Conclusão: Com os resultados obtidos, sugere-se que a ação germicida da luz UV foi eficaz, garantindo a descontaminação adequada e assegurando a qualidade na biossegurança laboratorial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Sierra Assencio Almeida Barbosa, Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru

Pós-doutoranda em Doenças Tropicais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Botucatu. Docente na Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru. Equipe Técnica de Biologia no Instituto Lauro de Souza Lima.

Mariana Priscila Camargo, Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru

Tecnólogo em Sistemas Biomédicos pela Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru.

Julie Anne Corrêa de Magalhães Tavares Moreira, Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru

Tecnólogo em Sistemas Biomédicos pela Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru.

Rafael Balan Diman, Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru

Docente e Tecnólogo em Sistemas Biomédicos pela Faculdade de Tecnologia de Bauru - FATEC Bauru.

Mônica da Silveira, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Botucatu

Pós-doutoranda em Doenças Tropicais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho- UNESP Botucatu. Hospital Estadual de Bauru.

Referências

Moura ML, Guimarães V. Biosafety in Research: Importance of Protecting the Environment and Health. Sumerianz Journal of Agriculture and Veterinary. 2019; 2(2): 10-15. Disponível em: https://www.sumerianz.com/pdf-files/sjav2(2)10-15.pdf

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis. Biocontenção: o gerenciamento do risco em ambientes de alta contenção biológica NB3 e NBA3 [recurso eletrônico] / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis. – Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2015. 134 p.: il. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/biocontencao_gerenciamento_risco_ambientes_alta_contencao.pdf

Miring’u G, Bundi M, Muriithi BK, Apondi EW, Galata AA, Kathiiko CN, et al. Knowledge and Practices Regarding Usage of Biological Safety Cabinets. Applied Biosafety. 2017; 22(1):38-43. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/full/10.1177/1535676016685790

Sumit G, Jeffrey V, Terrance W, Terrance N. Developing an In-House Biological Safety Cabinet Certification Program at the University of North Dakota. Applied Biosafety: Journal of ABSA International. 2019; 24(3): 153-160. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.1177/1535676019859787

Reda SM. A Technique to Evaluate the Effectiveness of UV Lamps Performance in Biological Cabinet . International Journal of Pure and Applied Physics. 2012; 8(1):45-51. Disponível em: http://www.ripublication.com/ijpapv3/ijpapv8n1_07.pdf

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência e Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento do Complexo Industrial e Inovação em Saúde. Biossegurança em Saúde: prioridades e estratégias de ação [recurso eletrônico]. Ministério da Saúde, Secretaria de Ciência e Tecnologia e Insumos Estratégicos, Departamento do Complexo Industrial e Inovação em Saúde – Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2010. 246 p.: il. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/biosseguranca_saude_prioridades_estrategicas_acao.pdf

Zhai P, Wang R, Zhou Y, Hu D, li J, Zhou L. Enhancing the capabilities of biosafety laboratories through the established accreditation system: Development of the biosafety laboratory accreditation system in China. Journal of Biosafety and Biosecurity. 2019; 1(2): 86-89. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/sdfe/reader/pii/S2588933818300207/pdf

Yang JH, Wu UI, Tai HM, Sheng WH. Effectiveness of an ultraviolet-C disinfection system for reduction of healthcare-associated pathogens. Journal of Microbiology, Immunology and Infection. 2019; 52(3): 487-493. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1684118217302001

Halstead FD, Ahmed Z, Bishop JRB, Oppenheim BA. The potential of visible blue light (405 nm) as a novel decontamination strategy for carbapenemase-producing enterobacteriaceae (CPE). Antimicrobial Resistance & Infection Control. 2019; 8(14): 1–8. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1186/s13756-019-0470-1

Tearle J, MacRae G, Andrews S, Clarke A, Stuart J, Tremblay G. Biological Validation and Observations of Formaldehyde Fumigation in Operational and Representative Scenarios in High-Containment Laboratories. Applied Biosafety: Journal of ABSA International. 2019; 25(1): 1-7. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.1177/1535676019895084

Vieira R, Santos B, Martins C. Riscos Físicos e Químicos em Laboratório de Análises Clínicas de uma Universidade. Medicina (Ribeirão Preto Online). 2008;41(4):508-515. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/295

Ueki SYM, Chimara E, Yamauchi JU, Latrilha FO, Simeão FCS, Moniz LL, et al. Monitoramento em cabine de segurança biológica: manipulação de cepas e descontaminação em um laboratório de micobactérias. Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial. 2008; 44(4): 263-269. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S167624442008000400005&script=sci_abstract&tlng=pt

Ueki SYM, Geremias AL, Moniz LL, Latrilha FO, Brito AC, Giampaglia CMS, et al . Cabine de segurança biológica: efeito da luz ultravioleta nas micobactérias. Revista do Instituto Adolfo Lutz. 2006; 65(3): 222-224. Disponível em: http://periodicos.ses.sp.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-98552006000300014&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Harrington BJ, Valigosky M. Monitoring Ultraviolet Lamps in Biological Safety Cabinets with Cultures of Standard Bacterial Strains on TSA Blood Agar. Laboratory Medicine. 2007; 38(3):165–168. Disponível em: https://academic.oup.com/labmed/article/38/3/165/2504576

Downloads

Publicado

2021-06-24 — Atualizado em 2021-08-02

Como Citar

1.
Barbosa ASAA, Camargo MP, Moreira JAC de MT, Diman RB, Silveira M da. Avaliação da ação germicida da luz ultravioleta de cabine de segurança biológica frente às espécies bacterianas. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 2 de agosto de 2021 [citado 19 de setembro de 2021];54(1):e166597. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/166597

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)