O projeto terapêutico singular como estratégia de organização do cuidado nos serviços de saúde mental

Autores

  • Andréa Cristina S. Boccardo Centro de Atenção Psicossocial II
  • Fabiana Cristina Zane CAPS
  • Suréia Rodrigues Cratod/SP
  • Elisabete Ferreira Mângia Universidade de São Paulo; Faculdade de Medicina; Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v22i1p85-92

Palavras-chave:

Serviços de saúde mental, Atenção à saúde, Serviços comunitários de saúde mental, Desenvolvimento tecnológico, Mental health services, Health care (Public health), Community mental health services, Technologic development

Resumo

Este trabalho teve como objetivo compreender e discutir a importância da construção de projetos terapêuticos como estratégia de organização do cuidado nos serviços de saúde mental e identificar os princípios e diretrizes essenciais para a sua operacionalização. Trata-se de um estudo teórico apoiado na literatura nacional, foram selecionados 22 textos que respondiam aos objetivos gerais e específicos do projeto. A análise do material resultou na elaboração de três agrupamentos temáticos: conceitos sobre o projeto terapêutico singular; mecanismos e condições necessárias para o seu desenvolvimento. Os resultados mostraram que, de forma geral, os conceitos de projeto terapêutico singular são homogêneos e complementares entre si e os autores tem opinião semelhante sobre sua utilização enquanto estratégia de cuidado nos serviços de saúde mental. Porém, esta forma de cuidado requer uma nova maneira de organização do trabalho em equipe e do serviço, por esta razão os autores apontam desafios para os profissionais, usuários e família na busca da efetivação do desenvolvimento de projetos terapêuticos como eixo estruturador do cuidado em saúde mental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-04-01

Como Citar

Boccardo, A. C. S., Zane, F. C., Rodrigues, S., & Mângia, E. F. (2011). O projeto terapêutico singular como estratégia de organização do cuidado nos serviços de saúde mental . Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 22(1), 85-92. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v22i1p85-92

Edição

Seção

Artigo Original